Governo de Rondônia
Sábado, 15 de maio de 2021

Ações do Governo minimizam impactos das cheias

06 de março de 2014 | Governo do Estado de Rondônia

O Diretor Administrativo e Financeiro da Sociedade de Portos e Hidrovias do Estado de Rondônia (SOPHI), Leudo Buriti, afirmou ao participar neste sábado (01) do programa Campo e Lavoura que foi ao ar das 6:00 às 7:00, que as ações do Governo minimizaram o impactos das cheias no rio Madeira, por que a prioridade foi para atender as pessoas desabrigadas.

Lembrou que o Governador Confúcio Moura, sensível a situação nos momentos de crise, determinou ao secretário de Agricultura, Evandro Padovani, que buscasse junto às autoridades portuárias uma solução para evitar o colapso no sistema de transportes de cargas, diante da séria ameaça de calamidade. Fizemos o que é de nossa responsabilidade, e o sistema de abastecimento de gás e combustíveis está assegurado, acentuo o Leudo Buriti.

 

Com essa iniciativa os terminais de embarque de cargas e de passageiros no Caí Nágua, foram transferidos para o porto público, prestando um serviço que nada deixa a desejar, transportando gêneros alimentícios e passageiros que seguem para Manaus. Como os portos privados foram alagados as 400 carretas transportando soja, diariamente, passaram a descarregar no porto público evitando prejuízos aos caminhoneiros e produtores rurais.

 

   Uma lição

 

Deste episódio resto uma lição importante revelando que apesar dos esforços do Governo do Estado e da bancada federal, falta investimento em logística para atender o setor produtivo que cresce em média 20% ao ano, em Rondônia e no norte de Mato Grosso e que tem somente o porto localizado na capital, Porto Velho para escoar, uma produção superior a 3,5 milhões de toneladas de grãos.

 

Para Leudo Buriti, a questão de logística é grave e acaba inflacionando o chamado “custo Brasil” que tem mostrado Rondônia como um estado viável, na produção de carne, milho, soja e arroz, que pelas águas do rio Madeira oferece acesso ao Pacifico, levando a produção de grãos aos grandes centros consumidores, gerando emprego e rendas, no campo e nas áreas urbanas.

 

Texto: José Luiz Alves

 

Assessoria Seagri

 


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: José Luiz Alves
Fotos: José Luiz Alves
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Governo, Rondônia, Segurança


Compartilhe