Governo de Rondônia
Sexta, 25 de junho de 2021

BOVINOCULTURA

Agricultores de Pimenteira do Oeste discutem ações que minimizem os efeitos da seca sobre o rebanho leiteiro

06 de novembro de 2017 | Governo do Estado de Rondônia

É preciso traçar metas para um aporte forrageiro aos animais.

 

O período seco traz alguns prejuízos para o desempenho do gado leiteiro, resultando entre outros, em queda na produção de leite e baixos índices zootécnicos, onerando a atividade e desmotivando o produtor rural. Diante disso a Emater-RO, em parceria com a prefeitura de Pimenteira do Oeste, na região cone sul do estado, promoveu uma reunião com a participação de produtores rurais, vereadores do município e representante dos sindicato rural de Cerejeiras com o objetivo de traçar metas para se ter um aporte forrageiro aos animais nesse período.

Distante das influências marítimas e com altitudes que variam de 70 a pouco mais de 500 metros, Rondônia mantém um clima predominantemente tropical, úmido

e quente durante o ano inteiro. Entretanto, no período mais seco, que ocorre durante os meses de junho, julho e agosto, a média climatológica da precipitação pluvial é inferior a 20 milímetros por mês.

É nesse período que ocorre a escassez de alimento, já que o pasto sofre as conseqüências da falta de chuva e a disponibilidade de forrageiras são baixas. Assim, o extensionista da Emater-RO, Enio Milani aproveitou a oportunidade para relatar casos de sucesso e dados referentes a bovinocultura leiteira local e à produção necessária para se torna mais eficiente na propriedade.

Para contribuir com os agricultores, em especial no período da seca, a Prefeitura deverá ceder o maquinário necessário para plantio e ensilagem do material, além da mão-de-obra. Já, o governo do estado, através da Emater-RO e do programa Calcário atuará com a assistência técnica e calagem. O sindicato rural de Cerejeiras, também presente na reunião, comprometeu-se em passar a calcareadeira para o serviço de calagem.

Leia mais notícias da Emater


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Wania Ressutti
Fotos: Irene Mendes
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Agropecuária, Água, Economia, Governo, Rondônia


Compartilhe