Governo de Rondônia
Domingo, 28 de fevereiro de 2021

COMPETIÇÃO

Aluna da Escola Heitor Villa-Lobos, em Ariquemes, participará da Olimpíada de Língua Portuguesa em São Paulo

24 de outubro de 2016 | Governo do Estado de Rondônia

foto_1_obeww1z

Francisca Lopes concorre com outros 124 estudantes de todo o País

A estudante Regiane Francisca Lopes, 17, participará  da etapa regional da Olimpíada de Língua Portuguesa 2016, no período de desta terça-feira (25) até quinta-feira (27), em São Paulo, após se classificar nas etapas escolar, municipal e estadual. A Olimpíada de Língua Portuguesa é promovida pelo Ministério da Educação (MEC).

Francisca Lopes estará concorrendo com o tema “O lugar onde vivo” e a dissertação “Mansão dos Abandonados”, que retrata das obras de paralisação do Teatro Municipal de Ariquemes.

A rondoniense cursa o 3º ano do Ensino Médio na Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Villa-Lobos, em Ariquemese tem sido incentivada pela professora Rosemeri Stangue. A jovem foi classificada em primeiro lugar ao concorrer com 120 trabalhos.

Em São Paulo, a estudante rondoniense vai concorrer com mais 125 texto. A Organização vai selecionar 38 trabalhos para a fase final do concurso que irá acontecer no próximo mês.

Na etapa regional, Rosemeri explicou que a dissertação da aluna irá concorrer com outros 125 textos. Para a professora, a Olimpíada foi de grande importância para os alunos, pois despertou a consciência crítica acerca dos problemas sociais encontrados na cidade. “Não foi um tema distante dos alunos, pois faz parte do cotidiano de cada um deles. A partir disto, eles passaram a refletir a respeito do assunto e ouviram as pessoas que são contra e a favor para construir o artigo de opinião”, detalhou.

Seguindo o cronograma do concurso, a estudante e a professora passarão três dias em São Paulo, onde participam em um programa de formação para ambas. Em meio ao aprendizado, os alunos participarão de debates e precisam escrever um novo artigo para concorrer fase nacional da Olimpíada. Caso ela seja classificada, a redação poderá concorrer com outros 38 trabalhos na fase final do concurso que acontecerá em novembro.

As 23 melhores redações foram publicadas em um livreto da escola, conforme o diretor da escola, Gildo Ivo Batisti, que também tem incentivado a participação dos estudantes em competições na escola, no estado e nacionalmente.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Antônio Queiroz
Fotos: Divulgação
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Rondônia


Compartilhe