Governo de Rondônia
Sexta, 26 de fevereiro de 2021

FEIRA DO CONHECIMENTO

Alunos da Escola Estadual Jorge Teixeira, em Porto Velho, são incentivados a pesquisar doenças da vida moderna

07 de dezembro de 2015 | Governo do Estado de Rondônia

A Escola Estadual Jorge Teixeira, localizada na zona Leste de Porto Velho, investe em atividades e disciplinas extracurriculares  que acrescentam, combinam e transformam os conteúdos escolares. Na sexta-feira (4). a escola realizou a III Feira do Conhecimento que abordou a temática:  A Importância da Água e as Doenças da Vida Moderna.

Para promover a feira, alunos são estimulados a pesquisar

Para promover a feira, alunos são estimulados a pesquisar temas importantes

“Buscando a complementaridade curricular, a Escola Jorge Teixeira promove atividades extracurriculares que estimulam os alunos a pesquisarem novos assuntos e desenvolverem trabalhos a partir do que foi pesquisado. Dentro dessa dinâmica, podemos perceber o alto grau de interesse dos alunos, quando os mesmos têm a oportunidade de novas descobertas e novas práticas”, afirmou a supervisora Anysmeire Santos.

As temáticas foram escolhidas pelos próprios alunos dos Ensinos Fundamental, Médio Regular e Médio para Jovens e Adultos (EJA), que realizaram pesquisas e desenvolveram trabalhos, que vão desde a composição de músicas até a dramatização de assuntos relacionados às temáticas.

Para a estudante do 6º ano, Thais Lima, que desenvolveu trabalho falando sobre a dengue e esquistossomose, a realização da feira é um momento muito importante onde os alunos desenvolvem a capacidade de pesquisar e ir além dos assuntos tratados em sala de aula. “Aprendi muito sobre as doenças relacionadas à água, e como podemos prevenir”, declarou.

Thaís disse que gosta muito das atividades extracurriculares que a escola promove durante o ano todo. “Aqui os professores estão sempre inovando e criando novas formas de ensinar os alunos a se preparar para o mundo fora da escola. Gosto muito de todas as atividades que a escola realiza”, frisou.

GuilermeBarros fotos de Ésio Mendes  (2)

Guilherme Barros falou sobre a Síndrome de Borderline

Guilherme Barros é um dos alunos do 8º ano que trabalhou a temática “Doenças da Vida Moderna” e desenvolveu trabalho sobre a Síndrome de Borderline, também conhecida como transtorno de personalidade limítrofe. Trata-se de uma doença psicológica grave que provoca oscilação de humor, medo de ser abandonado pelos amigos e comportamentos impulsivos.

Guilherme conta que desconhecia a doença até o assunto ser abordado para a Feira do Conhecimento.  “Pesquisei muito para entender sobre esta doença, que quando chega num estágio avançado pode levar até à automutilação”, explicou.

CONQUISTAS

A vice-diretora Milena Cristina destacou que todas as atividades que escola desenvolve durante o ano é fruto do esforço coletivo de alunos e professores, que se empenham em avançar cada vez mais na educação. “O resultado desse esforço coletivo é gratificante. Este ano, tivemos 19 alunos aprovados no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (Ifro) e uma aluna medalhista na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep)”, citou.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Luana Lopes
Fotos: Ésio Mendes
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Educação, Evento, Governo


Compartilhe