Governo de Rondônia
Sábado, 27 de fevereiro de 2021

Assistência Social cadastra famílias desabrigadas

13 de março de 2014 | Governo do Estado de Rondônia

10 - cadastro familias_1024x683

Duas equipes formadas por assistentes sociais e técnicos da Secretaria de Estadual de Assistência Social (Seas) e Secretaria Municipal de Ação Social (Semas) e Corpo de Bombeiros, iniciaram na última semana as visitas nas escolas onde estão abrigadas ás famílias vítimas da enchente do Rio Madeira, para a realização do cadastro social.

De acordo com o secretário da Seas, Márcio Felix, equipes do Governo do Estado em parceria com a prefeitura irão em todas as escolas e igrejas onde estão as famílias desabrigadas para orientá-las e cadastrá-las no cadastro social da Seas e também no Cadúnico do Governo Federal.

A assessora especial da Seas, Sara Vieira, explica que esse primeiro momento é para orientar ás famílias com relação aos documentos necessários para o cadastro. “Estamos visitando todos os abrigos, orientando as famílias sobre os documentos que elas precisarão para a inserção no cadastro social, entregamos uma relação com toda a documentação exigida e vamos retornar na outra semana para começar o cadastramento”, explicou Sara Vieira.

10 - cadastro desabrigados_1024x683

O primeiro abrigo a ser visitado foi a escola Estadual Castelo Branco, onde estão alojadas 22 famílias de moradores dos bairros da Balsa e São Sebastião, dois bairros alagados com a grande cheia do Rio Madeira. Outra equipe, esteve ainda dando as orientações aos abrigados da escola Duque de Caxias.

“É importante que todos providenciem os documentos necessários para o cadastramento. Depois de cadastradas as famílias, os dados irão para análise de caso a caso, onde a Seas poderá identificar e se for o caso, inserir essas famílias em programas sociais, sejam eles de moradia, transferência de renda ou outros”, frisa Márcio Felix.

A ação de cadastramento está sendo realizada em parceria com a Defesa Civil Estadual e conta com o acompanhamento do major bombeiro Gregório.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Luana Lopes
Fotos: Luana Lopes
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Governo, Habitação, Rondônia


Compartilhe