Governo de Rondônia
Domingo, 17 de novembro de 2019

GASTRONOMIA REGIONAL

Churrasco e comidas típicas da região atraíram o público na terceira noite de festa da ExpoPorto

05 de outubro de 2019 | Governo do Estado de Rondônia

Culinária regional atrai o público para a ExpoPorto

A terceira noite, na sexta-feira (4), da Exposição Agropecuária Festa Tecnológica de Porto Velho (ExpoPorto), atraiu o público para a culinária regional, que mesmo com o clima chuvoso, não abriu mão de apreciar as delícias de churrascos e comidas típicas, bem como os produtos da terra.

Com dezenas de barracas oferecendo pastel, crepe, churrasco grego, produtos diversos do milho, cerveja artesanal, tacacá, costela assada, dentre tantos outros, os visitantes não tiveram dúvidas na hora de decidir o cardápio.

O empresário Gilson Ferreira trabalha há 30 anos na Flor do Maracujá com a “Barraca do Gigi”, servindo diversos tipos de carne. Pensando no público diferenciado da ExpoPorto, com visão empreendedora decidiu servir a melhor costela assada da festa, atraindo pelo cheiro a atenção dos visitantes no evento. “Tem vários fazendeiros, pecuaristas, que são acostumados a comer churrasco, então eu fiz”.

Costela assada servida na Feira

Já o artista plástico, Ismael Barreto, participou da Festa com a intenção de provar as delícias culinárias locais. Ele e a namorada, Aparecida, tomaram na cuia um dos melhores tacacás da cidade de Porto Velho. “O negócio aqui é o tacacá, a saltenha, que queremos saborear. Nós temos cultura, essa aqui é uma delas, comer a comida típica regional”.

As festas regionais são uma boa pedida para aproveitar e comer o que a população aprecia. A empresária do tacacá, Ivete Moreira, trabalha há mais de 20 anos com produtos artesanais e iniciou o negócio da família com bombons de cupuaçu e castanha. “Começamos com uma receita em 1993 e construímos uma família com produtos regionais”.

O que também atraiu os olhares e paladares do público foram as tendas da agroindústria, com variedades de produtos, como o mel, chocolate, queijos, biscoitos de polvilho, rapaduras de açaí, doce de tucumã, entre outros.

Miguel Nobre, trabalha junto de sua família em Ariquemes, com produtos advindos do cacau. A empresa Chocolate Jamari, atua há quase quatro anos no mercado da agroindústria, desenvolvendo delícias a partir da semente do fruto, como a polpa, fermentação, secagem, torragem, peso e trituração até as barras de chocolates variados.

Por meio da Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri), uma associação consolidada no Cone Sul viabilizou a participação de 10 agroindústrias, entre elas também, a empresa de derivados do leite Tomy, que desenvolve o trabalho valorizando a qualidade do produto. Com variedades de queijos, iogurte natural, o público pôde conhecer por degustação os produtos da matéria prima do leite.

Bruna Menegheli fala sobre cerveja artesanal servida na ExpoPorto

A barraca da cerveja artesanal também é responsável por atrair o público com paladar diferenciado e exigente. Rafaela Camargo e seus pais escolheram a cerveja artesanal por um único motivo “é gostoso e barato”, disse a visitante. A cerveja Louvada, com fábrica em Porto Velho há seis meses, é de origem do município de Cuiabá, no Mato Grosso, e ofereceu três tipos de chopeiras na ExpoPorto, com preços acessíveis, de R$ 6 a R$ 10.

“Prezamos o pessoal conhecer o processo de fabricação de uma cerveja artesanal, isso enaltece o produto”, disse Bruna Menegheli, responsável pelo marketing da empresa.

A ExpoPorto promovida pela Superintendência Estadual de Esporte, Cultura e Lazer (Sejucel) acontece até domingo (6), onde além da diversificada culinária regional, o público pode se divertir com o rodeio 8 segundos e shows de artistas locais.

Leia mais: 

 Produtos variados e expositores satisfeitos no segundo dia de Exposição em Porto Velho

 ExpoPorto é lançada em Porto Velho com expectativa de resgatar a cultura da festa agropecuária

 Cavalgada e escolha da rainha ExpoPorto abrem feira agropecuária na Capital com grande aceitação do público


Fonte
Texto: Gaia Bentes
Fotos: Leandro Morais
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Agropecuária, Cultura, Evento, Governo, Lazer, Rondônia, Serviço, Sociedade, Turismo


Compartilhe