Governo de Rondônia
Segunda, 17 de maio de 2021

INFORMAÇÕES ESCOLARES

Começa segunda etapa da coleta de dados do Censo Escolar

02 de fevereiro de 2015 | Governo do Estado de Rondônia

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) inicia nesta segunda-feira (2) a segunda etapa do Censo Escolar de 2014, a partir do módulo Situação do Aluno. A fase tem por objetivo coletar informações de rendimento (aprovação ou reprovação) e movimento (transferência ou desistência) do educando no fim do ano letivo.

A informação foi prestada pela gerente de Educação da Secretaria de Estado da Educação de Rondônia (Seduc), Angélica Ayres, que ressaltou que esta etapa encerra em 20 de março, com divulgação dos resultados preliminares prevista para o dia 30 do mesmo mês, no sistema on-line Educacenso.

Educacenso é o sistema responsável para colher as informações escolares das escolas

Educacenso é o sistema responsável para colher as informações escolares das escolas

Ayres lembra que a partir dessa data, as escolas terão 15 dias para conferir ou corrigir as informações, caso necessário.

Uma equipe técnica da Coordenação de Estatística e Pesquisas e Informações Educacionais da Gerência de Educação da Seduc participou em dezembro do ano passado, em Fortaleza (CE), do Encontro Nacional do Censo Escolar da Educação Básica 2014. A equipe esteve composta pelos técnicos Maria Tereza, Célia Ferreira, João Rodrigues, Jose Oliveira, Aparecida Meireles e Otacílio Antônio participaram do Encontro Nacional do Censo Escolar da Educação Básica 2014

A gerente afirmou que o governador Confúcio Moura tem se empenhado para que o setor educacional venha ser prioridade em seu segundo mandato e o Censo Escolar é importante ferramenta para decisões para a melhoria da qualidade do ensino nas escolas da rede pública estadual.

A secretária da Seduc, Fátima Gavioli, lembra que o preenchimento das informações é de responsabilidade dos diretores e dirigentes das escolas públicas e também das secretarias estaduais e municipais de educação, que trabalham em cooperação com as escolas. “As informações são fundamentais para a definição e o monitoramento de políticas públicas e para o conhecimento da realidade escolar” explicou Gavioli.

Ao preencher o módulo Situação do Aluno, as escolas devem informar, somente nas turmas de escolarização, situações como rendimento, movimento, não movimentação (etapas de educação infantil, creche e pré-escola), curso em andamento (educação de jovens e adultos e educação profissional).

Os dados dos concluintes devem ser confirmados (aprovação e finalização) e dos admitidos após o censo. Este último refere-se ao rendimento e movimento dos alunos de todas as modalidades de ensino com matrícula ativa no Censo Escolar de 2014 e que entraram na escola após a data de referência (maio do ano passado).


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Assessoria Seduc
Fotos: Inep
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Educação, Governo, Rondônia


Compartilhe