Governo de Rondônia
Segunda, 21 de junho de 2021

Servidor da Semana

Conhecido em vários setores da Seduc, Manoel diz que faz seu trabalho ‘direitinho’

28 de abril de 2014 | Governo do Estado de Rondônia

Aparentemente, o trabalho de Manoel Assunção da Silva, de 60 anos, como escriturário da Secretaria de Estado da Educação (Seduc) parece ser fácil, mas exige cautela e conhecimento para poder protocolar inúmeros documentos que chegam à sua mesa todos os dias. Conhecido pela maioria dos servidores, Manoel compõe o quadro de funcionários da Secretaria há 14 anos e garante a qualidade do seu serviço. “Faço meu trabalho direitinho”, conta.

José Manoel é servidor da Seduc há 14 anos

José Manoel é servidor da Seduc há 14 anos

O servidor nasceu em Porto Velho em 1953 e lembra que desde cedo os estudos foram interrompidos diversas vezes. Com oito anos de idade e só com a 4ª série – atual 5ª ano – do Ensino Fundamental, Manoel se mudou para Guajará-Mirim para trabalhar em um sítio com sua família. “Aquele tempo não era igual agora, que os estudos são bastante valorizados. Antes o que mais importava era o trabalho”, afirma.

E foi só com 17 anos que ele retornou aos estudos e concluiu o Ensino Médio. Depois de anos de trabalho, Manoel, em 1997, foi chamado para ser oficial de manutenção no antigo prédio da Seduc, na capital, após ter sido aprovado em concurso público. O servidor conta que fazia de troca de lâmpadas a enfeites de confraternizações de fim de ano. Após dois anos, Assunção passou a ser escriturário da Secretaria, função que exerce até hoje.

Para qualquer funcionário que precisa protocolar ou entregar algum documento é com Manoel que a pessoa deve se dirigir. Este contato diário com diversos funcionários faz com que ele seja conhecido em todos os setores da Seduc. “Conheço muita gente daqui [Seduc]. A meninada chega aqui e a gente prosa bastante”, diz.

Faltando cinco anos para se aposentar, o servidor diz que vai continuar ‘tocando’ seu negócio particular que tem desde 1989: um salão de beleza em casa. “Montei pra ajudar a completar a renda e tomei gosto”, conta. Manoel comenta que, depois que começou a divulgar o seu salão para os amigos de trabalho, muitos deles viraram clientes. “Eles gostam do resultado”, ri.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Halex Frederic - Assessoria Seduc
Fotos: Quintela
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Educação


Compartilhe