Governo de Rondônia
Segunda, 25 de março de 2019

DIA MUNDIAL DA ÁGUA

Conscientização e mudanças de hábitos reforçam a preservação do Meio Ambiente na Semana da Água em Rondônia

15 de março de 2019 | Governo do Estado de Rondônia

 

Para despertar a consciência ambiental e refletir a respeito do que estamos fazendo para preservar a água, bem precioso para a humanidade, uma programação de atividades acontece com a atuação da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Ambiental (Sedam) e Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Sema), integrantes do Sistema Nacional do Meio Ambiente (Sisnama), por meio da Coordenadoria de Educação Ambiental, seguindo as diretrizes do Ministério do Meio Ambiente, buscando fortalecer também os municípios para que atuem com o trabalho de conscientização.

A coordenadoria de educação ambiental segue uma linha transversal de trabalho junto às demais coordenadorias da Sedam, como a Coordenação de Recursos Hídricos, atuando na educação ambiental com mobilização social e sensibilização de sua importância, junto aos comitês de bacias hidrográficas. Para falar sobre a importância da água é necessário abordar o que está ligado diretamente ao tema, como o lixo que influencia a qualidade e torna a água imprópria para consumo. Além do cuidado com a poluição, como o despejo de influentes de indústrias e atividades econômicas que podem prejudicar a bacia hidrográfica.

 

“O cuidado com o meio ambiente exige mudança comportamental. Nos preocupamos que mundo vamos deixar para os nossos filhos, mas temos que nos preocupar que filhos vamos deixar para o mundo”, alertou o coordenador de educação, Fábio França.

 

Atitudes consideradas normais podem surtir um grande efeito negativo, como uma sacola jogada na rua, que pode cair em um rio e resultar na morte de um peixe que comeu o plástico. Pequenas mudanças geram grandes resultados, como jogar o lixo no local correto. Rondônia é rica em água, com rios, igarapés e abundância de chuva, assim como em florestas, por isso, a Sedam alerta também sobre a importância de conservação das áreas florestais, que influenciam na retirada de água do solo, enviando para a atmosfera e contribuindo com o ciclo hidrológico, para que a água do subsolo exista e os rios não sequem, como no período da seca no Estado.

Coordenadores de educação ambiental e recursos hídricos alertam sobre a importância das pequenas atitudes conscientes para preservação ambiental

Para conscientizar a sociedade rondoniense sobre determinadas atitudes que podem provocar as mudanças climáticas, a programação se estende durante o mês, começando com a conferência de tema “Água – Fonte de Vida”, no último dia 12, com a participação de acadêmicos e a sociedade geral em ciclo de palestras, entre elas: O uso dos recursos naturais e suas influências sob o clima; A extração dos recursos naturais e o clima; As cheias do Rio Madeira; e As unidades de conservação e sua importância para preservação dos recursos hídricos. Nos demais dias, a abordagem para conscientização continuou com o seminário “Diálogo sobre a política nacional de resíduos sólidos” e Circuito de palestras em escolas estaduais e municipais.

Os servidores envolvidos nos órgãos ligados ao Sisnama estão sendo capacitados para atuar com ferramentas estratégicas para maior envolvimento e entendimento da sociedade à causa, com treinamento para atuar em campanhas contra o Aedes aegypti e oficina de confecção de bonecos de fantoches.

Na Semana da Água, onde o dia celebrado é 22 de março, a programação deve se estender à aldeia indígena, com a etnia Karitiana, para conscientização por meio de palestra e abordagem sobre a saúde indígena, visita de jovens estudantes ao Batalhão da Polícia Ambiental para palestras em salas temáticas e passeios em trilhas ecológicas nas Áreas de Preservação Permanente (APP) para reconhecer a importância das árvores na preservação das águas, limpeza do Canal dos Tanques com plantio de mudas envolvendo a comunidade local, oficina e mutirão de combate ao Aedes aegypti com a comunidade, Simpósio de Sustentabilidade Ambiental no transporte aquaviário sensibilizando proprietários, responsáveis e tripulação de embarcações fluviais sobre a importância do meio ambiente, e o fechamento com o ato simbólico de desligamento de luzes por uma hora estimulando a redução do consumo de energia e conservação dos recursos naturais.

PROGRAMAÇÃO

16/03 – Sábado – 8h às 12h

Treinamento das lideranças e as formas de atuação da campanha de mobilização contra o Aedes aegypti

Público: alunos, professores e colaboradores de instituições parceiras.

Local: Rua João Goulart, 666, Bairro mato Grosso

19/03 – Terça-feira – 8h às 12h

Visita à Aldeia Karitiana

19/03 – Terça-feira – 14h às 18h

Palestra “O que é APP (Área de Preservação Permanente) e sua importância para os recursos hidrícos”

Local: EEEFM Murilo Braga

23/03 – Sábado– 8h às 12h

Limpeza de Canal seguido de plantio de mudas

Público: alunos, professores, órgãos públicos, voluntários.

Local: Canal dos Tanques entre as ruas Rafael Vaz e Silva e Salgado Filho

23/03 – Sábado – 14h às 18h

Oficina de combate ao Aedes aegypti

Público: calouros e veteranos do Centro Universitário São Lucas

Local: Auditório Campus II – São Lucas

30/03 – Sábado – 20:30 às 21:30

Desligamento das luzes por uma hora

Público: aberto a todos

Local: Sede da Prefeitura de Porto Velho, Sema, Palácio Rio Madeira, Escola Murilo Braga, Porto Velho Shopping e Centro Universitário São Lucas

LEIA MAIS:

 Famílias desabrigadas em Candeias do Jamari receberão mais cestas básicas, água potável e banheiros; malária entra em pauta

 Barco Deus é Amor adia viagem com passageiros do rio Preto para atender às vítimas da cheia do Madeira com o transporte de água potável e cestas básicas

 Qualquer objeto que acumula água pode se tornar um criadouro do Aedes Aegypti, alerta da Agevisa para o carnaval

 Laboratório Móvel dará suporte para análise da qualidade da água para consumo humano em Rondônia

 Lixo acumulado e água das chuvas contribuem para o aumento dos casos de leptospirose em Rondônia

 Ministério do Meio Ambiente sinaliza acordo de cooperação com o estado de Rondônia


Fonte
Texto: Gaia Bentes
Fotos: Jeferson Mota e Rosinaldo Machado
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Água, Brasil, Educação, Governo, Informativo, Meio Ambiente, Rondônia, Sociedade


Compartilhe