Governo de Rondônia
Quarta, 01 de abril de 2020

RECOMENDAÇÕES

Consumidor de Rondônia deve estar atento quanto à instalação de pisca-piscas no período natalino

13 de dezembro de 2019 | Governo do Estado de Rondônia

É preciso definir o local de utilização dos piscas-piscas, seja em uma área interna ou externa, e cada situação pede atenção

 

Com o Natal se aproximando, o comércio de lâmpadas pisca-pisca indica que muitos cidadãos começaram a decorar suas casas ou empresas para a data festiva. Mas as luzes que enfeitam os dias e noites com cor e alegria, também demandam cuidados para instalação e utilização adequadas. O Corpo de Bombeiro Militar atua com fiscalização nesse período natalino e orienta aos consumidores e comerciantes do Estado de Rondônia.

Para a decoração dos ambientes com enfeites natalinos, é necessário, primeiramente, definir o local de utilização, seja em uma área interna ou externa, e cada situação pede atenção. “O mais importante é que o equipamento esteja certificado para o ambiente específico”, afirmou o capitão bombeiro militar Mário Vergotti.

Ler o rótulo no ato da compra e verificar a certificação é o primeiro passo. Se o consumidor comprou o produto adequado para um ambiente interno, a instalação é de baixa complexidade, mas há ressalva quanto a não utilização dos adaptadores de tomadas “T”, cabendo a instrução para quando for ligar vários pisca-piscas utilizar o filtro de linha, que é mais seguro. Em uma instalação externa, que tem maior complexidade, recomenda-se a contratação de um profissional habilitado, engenheiro eletricista ou eletrotécnico, para orientar o cidadão.

“Neste período do ano chove muito, se você faz uma instalação na área externa da sua residência, sem isolamento adequado, tem risco de choque, curto circuito e incêndio”, lembrou Vergotti.

Há recomendações em ocorrência de princípio de incêndio, que é aquele onde há meios práticos para contenção. “O primeiro passo para conter um princípio de incêndio em material energizado é desligar a fonte de energia no interruptor geral, e posteriormente apagar. Em qualquer dúvida, acione o Corpo de Bombeiros”, continuou o oficial.

O Corpo de Bombeiros orienta que as luzes devem ser ligadas diretamente na tomada, evitando a utilização de “T”

Entre as dicas importantes para auxiliar na economia de energia e evitar acidentes, destaca-se a utilização de lâmpadas led, que também são mais seguras que as lâmpadas incandescentes. Em ambiente interno, o desligamento das luzes quando for dormir, para evitar sobrecarga. Em área externa, com produto adequado, os pisca-piscas podem ficar ligados durante toda a noite.

OPERAÇÃO DE NATAL

Para garantir que os produtos sejam comercializados corretamente, o Instituto de Pesos e Medidas (Ipem) realiza uma operação de Natal na capital, comparecendo em estabelecimentos com fiscalização dos produtos, e na ocasião são verificados o país de origem e a fabricação, além do CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica), número de tensão e potência, que são inscrições obrigatórias para comercialização de produtos elétricos. Em ocorrência de irregularidades, o produto é apreendido, o estabelecimento recebe um termo de apreensão, o produto fica retido e no fim do processo é destruído.

“Como já ocorreram muitos acidentes no passado, o comércio se adequou e o consumidor parou de comprar produtos chamados piratas, sem qualidade. A tendência é diminuir mais. Nosso trabalho também é orientar com requisitos de segurança o comerciante”, explicou Igor Argento, especialista em metrologia do Ipem.

Leias mais: 

 Instituto de Pesos e Medidas fiscaliza artefatos natalinos, bicicletas infantis e brinquedos em Porto Velho

 Museu da Memória Rondoniense prepara Cantata de Natal e leva solidariedade para famílias refugiadas

 Espetáculo de cores marca o Natal de Luz do Palácio Rio Madeira com mensagens de amor à família


Fonte
Texto: Gaia Bentes
Fotos: Frank Néry
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Cultura, Governo, Informativo, Lazer, Rondônia, Sociedade


Compartilhe