Governo de Rondônia
Segunda, 19 de novembro de 2018

AUDITORIA INTERNA

Controladoria Geral de Rondônia vai contribuir com a elaboração de estratégia de transparência de 23 países

29 de outubro de 2018 | Governo do Estado de Rondônia

A Controladoria Geral do Estado de Rondônia (CGE) vai colaborar com a elaboração de estratégia de transparência e controle de despesas de países da Ásia Central e Europa. Francisco Netto, controlador geral do Estado participa de um evento em Tbilisi, na Geórgia e na ocasião vai participar de grupo de trabalho e reunião plenária com autoridades de 23 países. A Controladoria do Estado representa o Brasil através do Conselho Nacional de Controle Interno (Conaci).

O encontro está sendo realizado entre os dias 29 de outubro e 02 de novembro, e na oportunidade o controlador discute acerca de transparência e das recentes mudanças implementadas na Auditoria Interna, com foco nas normas internacionais, com destaque à transparência e combate a corrupção, item avaliado com nota 10 no estado de Rondônia pelo Ministério Público Federal-MPF e Controladoria Geral da União – CGU.

O convite foi feito pelo Pempal, Conselho Nacional de Controle Interno e teve a iniciativa do Banco Mundial (World Bank Group). A viagem foi realizada sem ônus para o governo, completamente paga pelos organizadores do evento. “Minha explanação e contribuição será sobre as boas práticas e as experiências vivenciadas no cenário brasileiro”, destaca Francisco Netto.

SOBRE O PEMPAL

O Pempal, a Rede de Aprendizagem Assistida por Pares de Gestão de Despesas Públicas,  representa um esforço multilateral para desenvolver capacidades e partilhar experiências de reforma entre os países da Ásia Central e da Europa Central e Oriental. A iniciativa, inicialmente conceituada em 2005 pelo Banco Mundial e pelo Departamento para o Desenvolvimento Internacional do Reino Unido, responde à preocupação de que muitos governos não estão gastando seus recursos da forma mais eficaz e transparente possível e que os controles institucionais sobre gastos públicos têm espaço para melhorias. O Pempal é, assim, concebido para apoiar o reforço da capacidade interna nas despesas públicas e na gestão financeira, para desempenhar um papel catalisador na ampliação da ajuda e para reforçar as instituições e políticas.

A Comunidade de Práticas de Auditoria Interna do Pempal (IACOP) organiza sua reunião do Grupo de Trabalho de Controle Interno (ICWG) de 29 a 30 de outubro de 2018 e a reunião plenária de 31 de outubro a 2 de novembro de 2018 em Tbilisi, Geórgia, com os objetivos de compreender o ambiente de controle e a aplicação dos princípios do COSO relacionados no contexto do setor público; identificar interligações com outros princípios do COSO e as três linhas de modelo de defesa e compartilhar boas práticas e ferramentas práticas para estabelecer um ambiente de controle interno sólido em uma organização orçamentária.

Leia também:

 Sistemas geram mais transparência, agilidade e aproximam governo da população rondoniense


Fonte
Texto: Secom
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Economia, Governo, Rondônia


Compartilhe


Twitter
Facebook
Youtube