Governo de Rondônia
Terça, 15 de junho de 2021

DESENVOLVIMENTO RURAL

Emater comemora 46 anos com o desafio de levar assistência técnica a 100% da agricultura familiar de Rondônia

30 de agosto de 2017 | Governo do Estado de Rondônia

Emater quer levar assistência técnica rural a 100% da agricultura familiar

 

A Emater-RO comemora neste 31 de agosto 46 anos de sua fundação, demonstrando vigor, solidez e adaptação diante da evolução tecnológica que desafia a agricultura familiar.

A celebração do aniversário confirma a vocação da instituição em se reinventar.  No atual governo foi transformada em autarquia, se consolidando como uma das mais longevas instituições do Estado.

Foi fundada em 1971, no início dos projetos integrados de colonização (PIC), criados pelo Incra, atendendo a política do governo militar que queria ocupar os grandes espaços ainda vazios na Amazônia e alavancar a produção agrícola.

A Extensão Rural nesse contexto veio para executar as políticas de fomento e facilitar tomada de crédito rural, através do planejamento e assistência técnica aos projetos. Atuou também na implantação e supervisão de campos de sementes fiscalizadas, insumo fundamental para a expansão das culturas alimentares: arroz, milho e feijão.

Criada com o nome de ACAR- Associação de Crédito e Assistência Rural, elaborou e orientou a execução de inúmeros projetos de crédito, tanto de custeio quanto de investimento para agricultores assentados pelo Incra, nos PIC (s) que surgiam em toda a extensão do território de Rondônia, desde o PIC Sidney Girão em Guajará Mirim até o PIC Paulo Assis Ribeiro, que deu origem à cidade de Colorado do Oeste, que na época ainda era município de Porto Velho.

A instituição foi protagonista no desenvolvimento do Estado, participou ativamente de todos os grandes programas e projetos desenvolvimentistas implementados pelos governos federal e estadual, como o Poloamazon, Probor, Polonoroeste, e Planafloro, entre outros projetos de desenvolvimento rural integrado (PDRI).

Técnicos da Emater estão presentes em todo o estado

Ao longo dessas quatro décadas e meia mudou a nomenclatura, adotou o nome Emater-RO, mas sem deixar de oferecer assistência técnica e extensão rural; tornou-se imprescindível no esforço interinstitucional para implantação da lavoura cafeeira, que cresceu a ponto de colocar o Estado na honrosa posição de segundo produtor nacional de café robusta.

Mais recentemente o trabalho da extensão rural foi fundamental para a evolução do rebanho leiteiro, elevando o estado ao posto de maior produtor de leite da região norte e oitavo no país.

A importância do trabalho da Emater-RO é ainda maior quando se fala no rápido desenvolvimento da piscicultura no Estado, pois a instituição abraçou essa atividade para desenvolvê-la, desde a criação dos primeiros laboratórios de reprodução do tambaqui, bem como também, deu os primeiros passos para adaptação, reprodução e legalização da criação de pirarucu em cativeiro. Hoje o Estado é o maior produtor de espécies nativas de peixes do Brasil, em especial peixes redondos.

Mesmo tendo conseguido o reconhecimento dos agricultores, apoio dos órgãos parceiros e garantia orçamentária do Estado, a Emater-RO e seus extensionistas não diminuíram o ritimo, continuam desafiando o futuro, pois do contrário, se parassem para contemplar o sucesso, deixariam de ser os agentes de mudança social e tecnológica que sempre foram

Com um contingente de 519 extensionistas que prestam assistência direta aos agricultores em 73 unidades de atendimento, o presidente Francisco Mende Sá Barreto Coutinho lança novos desafios.

Um dos mais importantes desafios é alcançar 100% de atendimento com assistência técnica qualificada aos agricultores familiares do Estado, o que representa mais de noventa por cento dos 76.956 estabelecimentos rurais do Estado ( números do censo agropecuário), alcançando dessa forma a meta estabelecida pelo Governador Confúcio Moura.

Leia mais:
 Projeto Piloto viabilizará recursos de forma desburocratizada para ações de assistência técnica rural em Rondônia
 Quilombolas do Vale do Guaporé receberão assistência técnica da Emater


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Enoque Gonçalves de Oliveira
Fotos: Irene Mendes
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Agricultura, Agropecuária, Economia


Compartilhe