Governo de Rondônia
Segunda, 14 de junho de 2021

TRABALHO

Encontro em Porto Velho discute ações estratégicas do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil para este ano em Rondônia

22 de setembro de 2015 | Governo do Estado de Rondônia

Com o objetivo de potencializar as ações de enfrentamento ao trabalho infantil no estado, a partir do diagnóstico municipalizado, que será abordado para propor ações estratégicas a ser desenvolvidas pelos gestores das políticas públicas e subsidiar a realização de audiências públicas e demais estratégias no âmbito municipal, a Governo de Rondônia promoveu na quinta-feira (17), no Rondon Palace Hotel em Porto Velho, o Encontro Estadual das Ações Estratégicas do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti) 2015.

Nesta fase do Peti, a Secretaria de Estado de Assistência e Desenvolvimento Social (Seas), em conjunto com o Ministério Público do Trabalho (MPE-RO/AC), Tribunal regional do Trabalho da 14ª Região (RO/AC), Superintendência Estadual da Juventude, Cultura, Esporte e Lazer (Sejucel), Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), Ministério Publico Estadual (MPE), Tribunal de Justiça (TJRO), Defensoria Pública do Estado de Rondônia (DPE-RO), Fórum Estadual de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil (Fepeti-RO) e o Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente (Conedca-RO), une forças  para combater com eficiência o trabalho infantil, que é crime previsto no artigo 403 da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) através do Decreto 5452/43.

Em Rondônia, o público-alvo são  10 municípios (Ariquemes, Cacoal, Jaru, Machadinho do Oeste, Porto Velho, Presidente Médici, São Francisco do Guaporé, São Miguel do Guaporé, Urupá e Vilhena) que apresentam alta incidência de trabalho infantil e que recebem o cofinanciamento federal para o desenvolvimento das Associações dos Educadores do Peti. Assim, cada município terá cinco vagas, sendo uma para o representante da Assistência Social, uma para a Saúde, uma da Educação, uma do Conselho Tutelar e uma da área trabalhista.

Em sua fala, a adjunta da Seas, Marionete Sana Conceição, destacou a importância desta união para aperfeiçoar os trabalhos no Estado de Rondônia, uma vez que a maior preocupação é poder chegar com eficiência onde acontecem os trabalhos de menores. “Esse é um assunto muito importante e deve ser tratado com a importância que merece. Foi muito boa a nossa participação no encontro. Estamos sempre buscando ações estratégicas para dar oportunidade para essas crianças”, disse.

O procurador-chefe do Ministério Público do Trabalho, Marcos Gomes Cutrim, ressaltou que os órgãos do Estado que promovem o fomento da produção econômica e no agronegócio devem realizar ações estratégicas para que dentro desse plano estadual de desenvolvimento das atividades econômicas sejam discutidas e realizadas propostas de combate ao trabalho infantil.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Leandro Morais
Fotos: Alberto Alves
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Assistência Social, Evento, Governo, Inclusão Social, Rondônia, Sociedade


Compartilhe