Governo de Rondônia
Quinta, 16 de setembro de 2021

MAIS EDUCAÇÃO

Escola Indígena constrói viveiro de mudas em Cacoal

04 de novembro de 2015 | Governo do Estado de Rondônia

Localizada na Linha 14, Terra Indígena Sete de Setembro, em Cacoal, a Escola Indígena Sertanista José do Carmo Santana é a primeira indígena de Rondônia a receber recurso do Programa Mais Educação.

Estudantes indígenas recebem oficina de agroecologia com o professor Joaton Surui

Estudantes indígenas recebem oficina de agroecologia com o professor Joaton Surui

Preocupada com o meio ambiente e a preservação, a direção do estabelecimento de ensino, após oficina de agroecologia, construiu um viveiro no entorno da escola, que tem capacidade de produzir três mil mudas de sementes frutíferas e nativas.

A secretária de Estado da Educação, Fátima Gavioli, tomou conhecimento da oficina e declarou apoio, especialmente com o repasse de recursos para que a escola possa continuar desenvolvendo as atividades de preservação do meio ambiente.

O viveiro tem capacidade para mais de três mil sementes e já foram plantadas mais de mil, entre sementes de açaí, tamarindo, cacau, cacau do mato, jatobá, patoá, ipê e outras plantas nativas. A partir de dezembro, essas mudas serão plantadas no entorno da escola e nas áreas degradadas da aldeia.

Esse programa tem como coordenador o professor Joaton Surui. As atividades do viveiro contam com o apoio do coordenador da CRE/Cacoal, professor Severino Bertino Neto; e a parceria do curso de engenharia florestal da Universidade Federal de Rondônia (Unir), campus de Rolim de Moura, sob a coordenação do professor José de Sá e alguns alunos do curso, que prestam assessoria nas atividades do viveiro.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Antônio Queiroz
Fotos: Divulgação
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Educação, Governo, Rondônia


Compartilhe