Governo de Rondônia
Quarta, 12 de maio de 2021

Fapero fomenta cooperação entre instituições de pesquisa

05 de maio de 2014 | Governo do Estado de Rondônia

3 - faperoCom o objetivo de fortalecer a rede de instituições de pesquisa no Estado, foi realizada na manhã desta segunda-feira (05), no auditório do Sebrae, em Porto Velho, o II Workshop de Ciência, Tecnologia e Inovação, com o tema ‘Sinergia de ações de CT&I entre Instituições do Estado’. O evento contou com a participação de diversas entidades que apresentaram seus projetos e perspectivas visando a cooperação entre os entes.

De acordo com Francisco Elder de Oliveira, presidente da Fundação Rondônia de Amparo ao Desenvolvimento das Ações Científicas e Tecnológicas e a Pesquisa do Estado de Rondônia (Fapero), organizar o sistema, conhecendo as potencialidades, objetivos e projetos de cada instituição de pesquisa é o primeiro passo para que se possa concorrer aos grandes editais nacionais em pé de igualdade com outras regiões.

“Esta é a primeira vez que há uma real preocupação com o sistema de ciências do Estado. O governo teve essa sensibilidade em conhecer e fomentar o desenvolvimento do sistema de CT&I”, afirma Elder.

O primeiro encontro foi uma apresentação da Fapero e das ações dos Estados emergentes da Amazônia legal. “Esta é uma segunda fase onde buscamos uma integração das instituições fortalecendo a pesquisa e desenvolvimento acadêmico”, afirma o diretor científico da Fapero, Andreimar Martins Soares.

No segundo encontro inicialmente as instituições se apresentam e mostram as principais metas de ações e a partir desta exposição são localizados os pontos em comum de atuação. Após esta detecção se espera que sejam firmados acordos de cooperação mútua entre os estabelecimentos de pesquisa. “Recentemente tivemos um edital da CNPQ da rede Bionorte-Amazônia Legal e apenas uma das instituições do Estado conseguiu captar a mínima parte deste edital. O que faltou foi este sinergismo para concorrer com melhores condições de capacidade”, explica Andreimar.

Êxito

3 - prof flávioMembro da Academia Mundial de Ciência, Engenharia e Tecnologia, Doutor em Administração e pesquisador, o professor Flávio de São Pedro Filho afirma que o governo do Estado deu um salto significativo em direção ao sucesso para equiparar Rondônia aos demais Estados da União. “A criação da Fapero é um importante marco, pois inexiste inovação e tecnologia sem um órgão que capitaneie as ações na dinâmica requerida neste processo”, afirma o docente.

Para ele o sequenciamento dos workshops são positivos, pois podem promover oportunidades em que os pesquisadores estarão presentes com suas pautas, além da interatividade. “A tendência é que o cenário da pesquisa aplicada em Rondônia melhore”, vislumbra.

A fundação se prepara ainda para divulgar os editais em parceria com o Governo Federal. O total a ser investido gira em torno de R$20 milhões, a maioria para formação e pesquisa, sendo iniciação científica e primeiros projetos (PP) as prioridades.

Estiveram representados Cepem/Sesau, Ifro, Unir/Geitec, Faculdade Católica, Faculdade São Lucas, Facimed, Seduc, Embrapa, Fiocruz, Sebrae e IEL/Fiero.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Romeu Noé
Fotos: Ésio Mendes
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Capacitação, Convênios, Edital, Educação, Rondônia


Compartilhe