Governo de Rondônia
Terça, 15 de junho de 2021

AGRONEGÓCIO

Feira Rondônia Rural Show receberá certificação internacional

08 de maio de 2015 | Governo do Estado de Rondônia

Feira será realizada pelo quarto ano consecutivo

Feira será realizada pelo quarto ano consecutivo

A Feira de Agronegócios Rondônia Rural Show receberá neste ano a certificação internacional. O circuito já figura entre os nove maiores do catálogo do Ministério da Indústria e Comércio e, na sua 4ª edição, em Ji-Paraná (RO), será também credenciada como espaço para intercâmbio bilateral e atendimento às delegações comerciais e investidores de vários outros países. O protocolo de credenciamento será assinado pelo governador Confúcio Moura, durante a realização do circuito nacional, de 27 a 30 de maio, após a instalação do “Espaço Empresarial” no parque de exposição Hermínio Victorelli.

De acordo com o coordenador executivo do Conselho de Desenvolvimento Conder, Rubens Nascimento, é no “Espaço Empresarial” que os investidores estrangeiros serão recepcionados, pois têm demonstrado grande interesse em conhecer mais as potencialidades do agronegócio de Rondônia.

Segundo Nascimento, a orientação do governo é dar a máxima divulgação possível sobre as oportunidades de negócios do estado, inclusive mostrar às condições de infraestrutura rodoviária, aeroviária, hidroviária e portuária de Rondônia.

Os investidores nacionais e estrangeiros necessitam conhecer os detalhes da produção de energia não poluente e políticas de incentivo fiscal e tributário. “Somente a isenção de ICMS pode chegar a 85%, sem contar com outras vantagens que o investidor tem para importação de máquinas e equipamentos”.

A gerente internacional Ivanilda Frazão, da Secretaria de Agricultura, Pecuária, Desenvolvimento e Regularização Fundiária (Sagre), ressaltou que as delegações receberão dentro da Feira Rondônia Rural Show todas as informações sobre as potencialidades que o estado oferece, principalmente nos setores da agropecuária, madeira com certificação de projetos de manejo e plantio, e minérios.

As delegações que já confirmaram presença são as do Peru, Bolívia, Panamá, Rússia, Alemanha, Espanha e África do Sul. Segundo Ivanilda, os investidores russos, que já importam carne bovina de Rondônia, manifestaram interesse também em comprar grãos e minério.

A África do Sul pretende importar, inicialmente, arroz. Mas o presidente da Câmara de Comércio Sul-africana também tem interesse em conhecer a produção de outras cadeias do agronegócio.
Parceiros institucionais brasileiros como a Secretaria de Comércio Exterior e Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), vinculados ao Ministério do Desenvolvimento da Indústria e Comércio (Midic), também participarão do circuito.

Está confirmada ainda a presença de outros parceiros, dentre eles o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico Social (BNDES), Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), diretoria Internacional da Empresa de Correios e Telégrafos, Sebrae, Centro Internacional de Negócios da Federação das Indústrias do Estado de Rondônia (Fiero) e Federação das Associações comerciais do Estado de Rondônia (Fecomércio).


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Abdoral Cardoso
Fotos: Decom
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Agricultura, Agropecuária, Economia, Evento, Governo, Piscicultura, Rondônia


Compartilhe