Governo de Rondônia
Domingo, 15 de julho de 2018

REGULARIZAÇÃO AMBIENTAL

Fundo Amazônia vai fomentar regularização ambiental em Rondônia

19 de março de 2018 | Governo do Estado de Rondônia

Desde a semana passada, técnicos da Emater-RO estão trabalhando na elaboração de um projeto para captação de recursos financeiros do Fundo Amazônia. A ação vem sendo acompanhado de perto pela deputada federal Marinha Raupp e pelo senador Valdir Raupp que intercederam junto ao Ministério do Meio Ambiente (MMA) a contratação de um consultor para orientar acerca das prioridades e necessidades que atendam as exigências do Fundo. Durante a reunião realizada nesta segunda-feira (19), na sede da Emater-RO, em Porto Velho, a autarquia e parceiros discutiram as atividades para fomento da regularização ambiental no estado.

O projeto deverá contar com ações efetivas de parceiros nas áreas de assistência técnica, educação, pesquisa e fomento.

Gerido pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), o Fundo Amazônia está em busca de fundos de investimentos para o desenvolvimento de atividades sustentáveis. Para isso foi assinado um acordo de cooperação técnica entre o Brasil e a Alemanha onde o Brasil deverá contribuir com contrapartida estrutural, de equipamentos e servidores técnicos e gerenciais e a Alemanha com recursos humanos e materiais (num total de até 1,5 milhão de euro), além de acompanhar e avaliar o desenvolvimento das atividades.

A proposta da Emater-RO é captar os recursos financeiros para desenvolvimento do Programa de Recuperação Ambiental (PRA) de Rondônia. A vinda do consultor técnico Gabriel Lima Ferreira, da empresa alemã Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit (GIZ), contratada pelo MMA, à Porto Velho visa exatamente orientar na elaboração de uma carta proposta dentro dos tramites exigidos pela BNDES para captação desses recursos.

Atendendo à solicitação feita pela presidente da Emater-RO, Albertina Marangoni, o projeto deverá atender não somente o estado, com a implantação do PRA, mas também os produtores rurais, em especial os da agricultura familiar que buscam se enquadrar nas normas da legislação ambiental. Além da Emater-RO o projeto deverá contar com ações efetivas de parceiros nas áreas de assistência técnica, educação, pesquisa e fomento.

Também participaram da reunião, o diretor vice-presidente da Emater-RO, Francisco de Assis Sobrinho, o coordenador do Cadastramento Ambiental Rural (CAR) da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Ambiental (Sedam), Arquimedes Ernesto Longo e técnicos da Emater-RO e uma nova reunião já está prevista para o próximo dia 22, quando representantes do BNDES virão a Porto Velho discutir questões administrativas e financeiras.


Fonte
Texto: Wania Ressutti
Fotos: Irene Mendes
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Agricultura, Meio Ambiente, Rondônia


Compartilhe


Twitter
Facebook
Youtube