Governo de Rondônia
Quarta, 28 de julho de 2021

Gestores discutem avanços na Saúde Estadual

08 de maio de 2014 | Governo do Estado de Rondônia

Melhorias e avanços na Saúde são debatidos em nova reunião da CIB, em Porto Velho

Melhorias e avanços na Saúde são debatidos em nova reunião da CIB, em Porto Velho

Todos os municípios de Rondônia participaram nesta quarta-feira, em Porto Velho, de mais uma reunião para definir metas e projetos para a Saúde no Estado. Os debates são dirigidos pela Comissão Intergestores Bipartite (CIB). A CIB é uma espécie de fórum de negociação entre o Estado e os municípios na implantação e operacionalização do Sistema Único de Saúde (SUS).

Como colegiado bipartite, a CIB é composta por nove representantes da Secretaria Estadual de Saúde (Sesau) e por nove do Conselho de Secretários Municipais de Saúde (Cosems). As reuniões acontecem mensalmente, onde todos discutem as ações desenvolvidas em seus municípios. Na pauta, os avanços e a metas para os próximos meses. O secretário adjunto da Sesau, Luis Eduardo Maiorquim, junto com o presidente do Cosems, Afonso Emerick, comandaram o encontro.

Leosemir Resis, secretário de Saúde do município do Vale do Anari

Leosemir Resis, secretário de Saúde do município do Vale do Anari

O secretário de Saúde do município do Vale do Anari, Leosemir Reis Teles, ressalta a importância destes encontros. Ele veio discutir projetos como liberação de emenda parlamentar, transferência de financeiro, ações importantes para aprovação. Vale do Anari tem um pouco mais de 10 mil habitantes, uma cidade de pequeno porte e com HPP, tratamento de baixa complexidade, e recebe apoio do município vizinho de Machadinho D’Oeste.

De acordo com Maiorquim, mais de 50 assuntos foram discutidos na CIB, como projeto terapêutico para habilitação do serviço hospitalar de referência para atenção às pessoas com sofrimento ou transtorno mental e com necessidades de saúde decorrente de uso de álcool , crack e outras drogas do município de Jaru. Estava na pauta, também, proposta para pactuar a portaria número 183 de 30 de janeiro de 2014, que trata de incentivos financeiros de custeio para implantação e manutenção dos serviços públicos.

Foram debatidos ainda temas como vigilância epidemiológica hospitalar, serviço de verificação de óbito entre outros assuntos. São ações que precisam ser discutidas e levadas adiante para melhorar cada vez mais a saúde pública do nosso Estado, afirma Maiorquim.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Antônia Lima
Fotos: Ítalo Ricardo
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Assistência Social, Governo, Saúde


Compartilhe