Governo de Rondônia
Terça, 22 de junho de 2021

Governo discute com a sociedade obras de esgotamento sanitário

19 de dezembro de 2013 | Governo do Estado de Rondônia

O evento, que teve à frente a Comissão de Fiscalização do Projeto, aconteceu no auditório da Emater, com a participação de representantes de vários segmentos da sociedade organizada, que puderam opinar para melhor estruturação do projeto e planejamento da obra.

Conforme a coordenadora do PAC em Rondônia, Iacira Azamor, o projeto foi elaborado pela empresa UFC da Bahia, que agora atende a algumas exigências da Caixa Econômica Federal (CEF) para que seja iniciado o processo licitatório. A expectativa é que ainda no início de 2014 ocorra a seleção da empresa executora para que os serviços comecem de imediato.

“Esse é um momento muito importante para que a população conheça o projeto e discuta possíveis alterações”, disse Iacira, reforçando que o artigo 39 estabelece audiência pública 15 dias úteis antes da publicação do edital, sempre que o valor estimado para uma licitação ou para um conjunto de licitações simultâneas ou sucessivas for superior a 100 vezes o limite previsto no art. 23, inciso I, alínea “C”, que são R$ 1,5 milhão.Iacira explicou que o esgotamento atenderá a pelo menos 50% da cidade e a mais de 60% da população residente na área Norte. Sobre as obras que garantirão 18 mil novas ligações de água tratada, a partir de 2014, para cerca de 80% da população da Capital, a coordenadora disse que continuam, mas em ritmo reduzido em função das chuvas.

Além de Iacira Azamor, a apresentação do projeto de esgotamento sanitário contou com Rosalina Moreira, coordenadora da Comissão de Fiscalização, composta também por dois engenheiros das especialidades civil, eletricista e ambiental.

Texto: Veronilda Lima
Fotos: Marcos Freire

Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Governo, Rondônia


Compartilhe