Governo de Rondônia
Terça, 22 de junho de 2021

Governo entrega casas rurais e celebra conquista com o movimento social

21 de janeiro de 2014 | Governo do Estado de Rondônia

O recurso para a construção das moradias foi viabilizado por meio do  Programa Nacional de Habitação Rural que integra o Programa Minha Casa Minha Vida e em parceria com o Programa Morada Nova, coordenado pela Secretaria de Estado de Assistência Social (Seas), que está oferecendo condições favoráveis para a construção e reforma de moradias aos agricultores familiares e trabalhadores rurais com renda bruta anual familiar de até R$ 15 mil.

Confúcio Moura elogiou o Programa do Governo Federal, Minha Casa Minha Vida, que está levando moradia própria e digna a milhares de famílias brasileiras e celebrou junto ao movimento social a conquista da política social de habitação rural no Estado Rondônia. “O governo tem ouvido bastante os movimentos sociais rurais, nos seus pleitos, para melhorar cada vez mais a vida das famílias camponesas”, declarou Confúcio.

A prefeita de Jaru, Sônia Cordeiro, agradeceu o empenho  e a parceria do governo em apoiar o desenvolvimento do município. Sônia disse ainda que o momento em que estavam vivendo seria histórico, pois, nunca um chefe do Executivo havia estado presente junto ao movimento social rural, referindo-se à presença do governador  em Tarilândia.

Marli de Araújo Santos e o esposo Odair José Dias que vivem da produção  de leite e peixes, declaram que realizaram um sonho. Com dois filhos adolescentes, a família morava em uma casa construída em madeira com 50m² e segundo Marli, a casa era muito quente e quando chovia molhava todo o chão e as paredes. “Hoje temos  a casa dos nossos sonhos, construída em alvenaria, com 100m², piso em cerâmica, cozinha no azulejo e toda forrada. Agora temos mais conforto para viver”, declarou Marli Santos.

Outra família beneficiada foi a da Maria do Socorro de Souza, cearense de 56 anos, ela conta que morou alguns anos com o marido no Paraguai, onde passaram por muitas dificuldades até venderem tudo que tinham lá e vir para Rondônia. Eles compraram a propriedade onde moram em Tarilândia e há 30 anos moravam em uma casa pequena que nunca havia passado por uma reforma. “Rondônia é a terra que nos acolheu, tudo que temos foi construído com anos de muito trabalho no campo e agora com a nossa casa nova, mais segura e mais confortável, temos o sossego de podermos passar o resto das nossas vidas aqui e a tranquilidade de deixar uma propriedade com uma moradia digna para nossos filhos e netos”, afirmou Maria do Socorro.

Marcos Antônio Baratela é produtor de leite e pedreiro, ele mostra com orgulho a casa que construiu com o ajuda dos irmãos, usando o benefício dos programas de habitação. Lenilda Moreira é esposa de Marcos e conta que eles ficaram 4 anos tentando reformar a casa velha de madeira onde moravam. ” Com o recurso do programa de habitação, construímos nossa casa em 8 meses e hoje temos a casa que sonhamos a nossa vida inteira. Não queremos sair nunca mais da área rural”, desabafou Lenilda.

Conquistas

A entidade organizadora do Programa, no caso do distrito de Tarilândia a  Aparo,  identifica a demanda habitacional da região e realiza o trabalho de organização das famílias, bem como o trabalho social. A mão de obra é a contrapartida dos próprios beneficiários.

A Aparo é a entidade criada através do Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA), um movimento camponês, de caráter nacional e popular, construído por grupo de famílias camponesas. Há 18 anos o MPA, dentre outras políticas sociais, vem pautando a habitação rural.

Em dezembro de 2012, MPA, assinou junto ao Governo Federal, com a contrapartida do Governo do Estado, o convênio para a construção de novas moradias para os agricultores e trabalhadores do campo, que não tinham condições de reformar ou construir, com a renda que possuíam.

Vandeir Leite, que é o coordenador estadual do MPA em Rondônia, disse ser muito importante o governo do estado entrar com a contrapartida no projeto. “Com o complemento aos recursos federais, os beneficiários investiram em material de qualidade, resultando em casas com excelente infraestrutura para o homem do campo”, frisou.

Vandeir declarou ainda que o momento é de grande conquista para o movimento social rural e elogiou a Política de Habitação de Interesse Social que o governo vem desenvolvendo em todo estado. “A Seas, que executa e coordena a política social em Rondônia tem sido grande parceria do MPA  e vem realizando um ótimo trabalho na política de habitação”, alegou Vandeir.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Governo, Rondônia


Compartilhe