Governo de Rondônia
Sábado, 27 de fevereiro de 2021

Governo recebe unidade móvel de atendimento às mulheres vítimas de violência

26 de fevereiro de 2014 | Governo do Estado de Rondônia

Nesta terça-feira (25) o secretário de Assistência Social de Rondônia, Márcio Felix, recebeu do analista de suporte da Secretaria de Políticas para Mulheres da Presidência da Republica, Marcelo Barbosa, uma unidade móvel para realizar o trabalho de atendimento às mulheres vítimas de violência no campo e na floresta.

foto-2_1024x765

“Os atendimentos por intermédio das Unidades Móveis é uma das ações estratégicas do Programa do Governo Federal: “Mulher: Viver sem Violência”, que consiste em um conjunto de ações estratégicas de enfrentamento à violência contra a mulher”, explica Márcio Felix.

A unidade móvel é um ônibus especialmente desenvolvidos para o trânsito fora de estrada, adaptado para o atendimento às mulheres do campo e da floresta. O ônibus é composto por duas salas de atendimento fechadas, para garantir a privacidade das mulheres atendidas; mesa, computador, impressora, e ar condicionado em cada uma das salas; acessibilidade a cadeirantes; toldo retrátil na lateral do ônibus e 24 cadeiras, criando área de espera sombreada e gerador próprio.

Para organizar os atendimentos prestados pela unidade móvel, será criado um o Fórum Permanente de Enfrentamento à Violência contra a Mulher do Campopara gestar o plano de ação que será executado. ”O Fórum, cuja atribuição também será o planejamento das ações itinerantes, será integrado por  órgãos governamentais estaduais e entidades da sociedade civil organizada” destaca Marcelo Barbosa.

Participou ainda do ato de entrega da unidade móvel, a chefe do núcleo de Políticas Públicas para Mulheres da Seas, Tarciana Costa, que afirmou ser um grande ganho para o Estado, poder contar com uma unidade de atendimento móvel. ” Agora teremos a possibilidade de chegar nos locais mais distantes de isolados, com uma estrutura completa para atender as mulheres que sofrem qualquer tipo de violência” ressalta Tarciana.

O Governo Federal, irá manter os custos da unidade móvel durante dois anos, garantindo que todos os serviços sejam prestados aos público alvo.  A contrapartida do Governo do Estado é  disponibilizar os profissionais que irão atuar nos atendimentos, sendo estes, assistentes sociais, psicólogos, promotores  e defensores públicos, além de profissionais da área de Segurança Pública, Justiça e Educação.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Luana Lopes
Fotos: Luana Lopes
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Inclusão Social


Compartilhe