Governo de Rondônia
Segunda, 17 de maio de 2021

Habitação: pesquisadores iniciam visitas a campo para análise de cadastro do Conjunto Feliz Cidade

02 de abril de 2014 | Governo do Estado de Rondônia

2 - cadastros ariquemesEm mais uma etapa do processo seletivo para aquisição das 349 unidades habitacionais do empreendimento “Feliz Cidade”, em Ariquemes, equipes de pesquisadores de campo iniciaram na última semana visitas às famílias inscritas no programa para se verificar os dados declarados na inscrição ocorrida no período de 15 a 21 de março.

Jane Freitas, coordenadora do estado no processo de inscrições do programa habitacional, falou sobre as etapas que estão sendo realizadas tendo a pré classificação dos cadastros como a etapa inicial. “Nesta primeira fase acontece uma hierarquização dos critérios, depois uma distribuição de setores. A partir deste processo de análise inicial, os documentos são repassados aos pesquisadores que vão a campo fazer um comparativo do que foi declarado e da realidade local”.

Jane Freitas informou que 1.610 famílias foram inscritas para participar do processo seletivo do empreendimento “Feliz Cidade”, e que quinze equipes formadas por técnicos do governo do estado, prefeitura, e acadêmicos de serviço social estarão por um período de aproximadamente 30 dias realizando a pesquisa em campo. “Nossa primeira semana foi muito bem desenvolvida. As equipes estão conseguindo adiantar todas as visitas necessárias com a realização de um trabalho de comprometimento e dedicação”, ressaltou a coordenadora lembrando ainda que após a pesquisa de campo, os cadastros passam por uma comissão capacitada para o nivelamento técnico do processo, em que é realizada uma comparação entre a declaração preenchida no ato da inscrição e dos dados trazidos pelos pesquisadores de campo, no intuito de indicar se a pessoa está apta à participação do sorteio das unidades habitacionais.

2 - análise cadastrosMárcio Felix, secretário de estado de Assistência Social, lembrou que “3% das casas serão destinadas para idosos e outros 3% para deficientes físicos que participaram de um primeiro sorteio. Os idosos e deficientes que não forem completados nesta etapa voltarão a concorrer no sorteio do grupo geral”.

O secretário lembrou ainda que o programa de habitação estadual Morada Nova é desenvolvido em parceira com Minha Casa, Minha Vida, do governo federal, e em cada município ganha o apoio da prefeitura. Essa união de forças oferece condições ao município de reduzir o déficit habitacional.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Daniele Basso
Fotos: Camila Olisanto
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Assistência Social, Habitação, Inclusão Social, Infraestrutura, Rondônia


Compartilhe