Governo de Rondônia
Segunda, 01 de junho de 2020

CORONAVÍRUS

Idosa de 66 anos é o primeiro óbito por Covid-19 em Rondônia; casos confirmados chegam a oito

30 de março de 2020 | Governo do Estado de Rondônia

O exame realizado pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Rondônia (Lacen/RO) confirmou como sendo Covid-19 a causa da morte de uma idosa de 66 anos na madrugada de domingo (29). A paciente foi internada no Centro de Medicina Tropical de Rondônia (Cemetron) na tarde de sábado (28), após ser encaminhada pela Unidade de Pronto Atendimento Municipal José Adelino de Freitas com tosse, febre e dispneia (dificuldade ou desconforto em respirar). O anúncio foi feita na tarde de segunda-feira (30) pelo secretário estadual de Saúde, Fernando Máximo e especialistas.

Esse é o primeiro óbito registrado por coronavírus em Rondônia que totaliza, até hoje (30), oito casos confirmados. A oitava paciente diagnosticada com a doença é uma mulher de 35 anos, morada de Jaru. Foram realizados nesta data 119 exames para detecção da Covid-19 e 115 resultados foram negativos, incluindo de uma paciente que estava internada no município de Cacoal com suspeita da doença.

O monitoramento dos familiares da idosa que faleceu, assim como da mulher de Jaru que foi confirmada com a doença, já está sendo feito pelos Centros de Vigilância Estratégia de Vigilância em Saúde de cada município.

OUTROS CASOS

Na quinta-feira (26), mais um caso positivo para coronavírus foi confirmado. A paciente diagnosticada com a doença é uma mulher de 31 anos, sem histórico de viagem para outro país ou estado com transmissão de Covid-19 nos últimos 15 dias.

Na terça-feira (24) também foram confirmados dois casos de Porto Velho, uma mulher de 36 anos e o marido de 39. Ele esteve em viagem recente ao estado de São Paulo, onde contraiu o vírus e transmitiu à esposa. O casal encontra-se em isolamento e sendo acompanhado pela equipe do Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (Cievs) do município.

No dia 19 de março foram confirmados os dois primeiros casos no Estado, dois moradores de Porto Velho com 35 e 45 anos.

Leia Mais:


Fonte
Texto: Dislene Queiroz
Fotos: Ítalo Ricardo e Ésio Mendes
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Brasil, Saúde


Compartilhe