Governo de Rondônia
Sábado, 20 de abril de 2019

LÍNGUA MATERNA

Índios de diversas etnias de Rondônia participarão do Projeto Açaí em 2015

08 de janeiro de 2015 | Governo do Estado de Rondônia

Projeto Açaí tem objetivo oferecer formação de indígenas que desejam ser professores

Formação indígena, um projeto que dá certo

A primeira fase do curso normal de nível médio para professores em área indígena, denominado como Projeto Açaí, terá início no dia 12 deste mês, em Presidente Médici, e contará com a participação de 120 índios de mais de 30 etnias do Estado.

O projeto, que começará a terceira edição neste ano, é voltado para o público indígena que deseja atuar como professor na educação infantil e anos iniciais (1º ao 5 º ano) do ensino fundamental, considerando a diversidade linguística, intercultural e histórica das etnias atendidas.

O curso, que é promovido pelo Governo de Rondônia através da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), é dividido em oito fases e tem duração de três anos, segundo o coordenador do setor indígena da Seduc, Flávio Luiz, que prevê a conclusão de quatro fases em 2015, sendo que a primeira deve finalizar no dia 14 de fevereiro. Em 2014, o Projeto Açaí formou 136 alunos indígenas em professores.

Uma das modalidades mais importante – e obrigatória – do projeto é o aprendizado da língua materna. A importância da disciplina se baseia na preservação do universo sociocultural específico de cada etnia. Flávio explica que as aulas são bilíngues e, preferencialmente, ministradas por professores indígenas. “As aulas acontecem de manhã e à tarde de segunda à sexta e, fora a disciplina específica, o curso é composto por todas outras de um curso de magistério normal”, comenta.

A abertura do Projeto Açaí III acontece às 10h, no dia 12, no Hotel Minuano, em Presidente Médici.


Fonte
Texto: Halex Frederic
Fotos: Coordenação de Educação Indígena
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Educação, Governo, Rondônia


Compartilhe