Governo de Rondônia
Segunda, 26 de agosto de 2019

IDENTIFICAÇÃO

Mais de 30 mil carteiras de identidade já foram emitidas em Rondônia nos primeiros quatro meses do ano

30 de maio de 2019 | Governo do Estado de Rondônia

O diretor do IICC, Alexandro Queiroz, mostra como será o novo modelo de identidade

Com 61 postos de atendimento instalados nos 52 municípios de Rondônia, o Instituto de Identificação Civil e Criminal (IICC) Engrácia da Costa Francisco já emitiu quase 35 mil carteiras de identidade nos quatro primeiros meses do ano em todo o estado. Apenas em Porto Velho, foram 14.700, e no interior mais 20.200 documentos. O prazo de entrega na capital varia de três a cinco dias, e no interior, dois meses.

Comparando ao mesmo período do ano passado, a diferença é de aproximadamente 2 mil identidades emitidas. Segundo o diretor do IICC, Alexandro Queiroz, o crescimento se deu pelo aumento de postos em todo o estado. Entre os municípios do interior, o maior número de emissões é na cidade de Ji-Paraná, com 4.700 documentos feitos nos primeiros quatro meses deste ano, perdendo apenas para a capital.

O diretor adjunto, Vailton Duarte, diz que a quantidade de material necessário para a realização do trabalho é satisfatório, contanto com 140 mil cédulas no estoque. Somente este ano, já foram enviadas para os postos de identificação 27.799 cédulas. “Tivemos que fazer um ajuste no nosso sistema, pois ele não aceitava que destacássemos da folha de papel moeda inteira, apenas o tamanho necessário para a impressão, além do trabalho manual de conferência de todos os documentos pessoais apresentados para a confecção do RG, o que atrasava a entrega. Tanto é que após o ajuste, a diferença entre os meses de abril e maio é considerável”. Foram enviadas ao interior 4.300 em abril e, em maio, o número subiu para 10.153.

O IICC trabalha com cinco áreas de atuação: emissão de identidade (Identificação Civil), Identificação Criminal, perícia no local de crime, retrato falado, e a perícia necro papiloscópica. A maior demanda é a de emissão de identidades. “Temos um projeto de informatização do IICC, e estamos vislumbrando parcerias com o Ifro, com o Detran, e contando com o Detic (Diretoria Executiva de Tecnologia da Informação e Comunicação) para a atualização do nosso sistema para agilizar os processos de identificação, tanto civil quanto criminal”, declarou Alexandro Queiroz.

Até março de 2020, o IICC também deverá se adequar para o decreto 9278/2018 que regulamenta a Lei 7.116, e determina o novo modelo de RG. “Ainda não temos o sistema adequado para essa emissão do novo modelo, que contém além das informações de identificação, os números de CPF e carteira de habilitação. Ele acrescenta mais dados e mais itens de segurança”, completa o adjunto, Vailton. Os diretores lembram que não será obrigatória a renovação do documento para o novo modelo, mas todas as novas emissão a partir do prazo determinado pelo Governo Federal deverão seguir o novo padrão.

Leia Mais:

 Mais de 150 pessoas agendam atendimento na unidade do Tudo Aqui Móvel no bairro Jardim Santana, em Porto Velho, para fazer o RG sem enfrentar fila


Fonte
Texto: Vanessa Farias
Fotos: Daiane Mendonça
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Governo, Inclusão Social, Municípios, Polícia, Rondônia, Segurança, Serviço, Tecnologia


Compartilhe