Governo de Rondônia
Sexta, 26 de fevereiro de 2021

INCLUSÃO

Mais de 300 reeducandos do sistema prisional de Rondônia participaram do Exame Nacional do Ensino Médio

07 de dezembro de 2015 | Governo do Estado de Rondônia

Pelo menos 368 reeducandos do sistema prisional do Estado de Rondônia fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) nos dias 1º e 2 de dezembro.  Segundo Irlei Rodrigues, coordenadora pedagógica do Enem, participaram do exame os presos e internos cujas unidades prisionais firmaram termo de compromisso com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep).

Para Bento, participar  do Enem é uma chance de concluir os estudos e garantir a reinserção na sociedade

Para Bento Mota, participar do Enem é uma chance de concluir os estudos e garantir a reinserção na sociedade

Do total de inscritos, 179 são de Porto Velho e 189 do interior, de 25 unidades prisionais do estado, sendo 18 do interior e 7 da Capital.

As inscrições foram feitas via internet pelos responsáveis pedagógicos de cada instituição. Além de ser o responsável pela inscrição, o coordenador pedagógico tem a atribuição de divulgar as informações do exame, verificar os resultados e encaminhar a participação do candidato no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e a outros programas de acesso à educação superior. A prova foi feita em duas etapas, no mesmo formato do Enem tradicional.

Bento Mota está há mais de um ano privado de liberdade, quando entrou cursava o 5º período de informática, e este foi o terceiro ano consecutivo que participa do exame. Todo ano se esforça para estudar e conseguir uma boa nota no Enem. ”A maioria das pessoas que estão privadas de liberdade não teve a oportunidade de estudar. Fazer o Enem nos dá uma a chance de concluir os estudos e cursar uma graduação. A combinação de estudar e trabalhar contribui diretamente para a ressocialização de quem está dentro do sistema carcerário”, afirmou.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Cíntia Xavier
Fotos: Gaia Quiquiô
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Capacitação, Concursos, Educação, Governo, Inclusão Social, Justiça, Rondônia, Sociedade


Compartilhe