Governo de Rondônia
Sexta, 22 de junho de 2018

ESPECIAL DIA DA MULHER

Mulheres conquistam espaço onde antes apenas homens trabalhavam, o Departamento de Estradas de Rodagens

08 de março de 2018 | Governo do Estado de Rondônia

Jéssica Leandro N. Nunes responsável pelos levantamentos e registros da mão de obra no canteiro

Há pouco tempo o setor de obras era um campo de atuação masculino. Felizmente os tempos mudaram e as mulheres ganham cada vez mais espaço e vemos crescer a presença feminina tanto neste, como em outros setores.

No Departamento de Estradas de Rodagens, Infraestrutura e Serviços Públicos (DER) responsáveis pelas as obras públicas de todo o Estado de Rondônia há várias mulheres ocupando cargos que antes eram ocupados em sua maioria por homens.

Um exemplo é a apontadora Jéssica Leandro N. Nunes responsável pelos levantamentos e registros da mão de obra no canteiro. É a apontadora que distribui ordens de serviço e acompanha medição. Fiscaliza a frequência de ponto e controla entrada e saída de materiais em estoque.

“Trabalho direto no canteiro de obra, um local que é visto como ambiente só para homens e isso nunca foi problema pra mim. Sei que sou vista com olhos diferentes e curiosos quando as pessoas me veem nas obras chefiando vários homens. Mas eu me vejo como uma guerreira, porque consigo desenvolver meu trabalho, com muito respeito dos meus colegas, porque sou mãe dois filhos e sou chefe de família. Pra mim, não existe nada que uma mulher não possa fazer, uma mulher pode fazer tudo”, declara Jessica, com muito orgulho pelo trabalho que desenvolve no DER.

Ivone Gomes é engenheira e trabalha no setor de obras publicas

Ivone Gomes é engenheira e trabalha no setor de obras publicas do Governo do Estado há 34 anos. “Cheguei a Rondônia já formada em engenharia pela Universidade Federal da Paraíba. Quando me formei na faculdade eram pouquíssimas as mulheres que se dedicavam a estudar engenharia, que era vista como uma profissão só para os homens. Quando entrei no setor de obras públicas do governo, sofri muita discriminação, pois éramos apenas três mulheres trabalhando nessa área e os homens tinham preconceito. Ainda bem que hoje os tempos são outros e hoje vemos muitas mulheres engenheiras. Estou há mais de 33 anos trabalhando no DER, o que mostra que o setor de obras também é um setor de atuação para mulheres”, afirmou.

 

Aldira de Medeiros Ribeiro está ha 32 anos no serviço público

Outra servidora que se orgulha de ser uma mulher ativa no mercado de trabalho é Aldira de Medeiros Ribeiro. Ela atua há 32 anos no serviço público – iniciou na Polícia Militar e no DER está completando 29 anos de serviço como agente administrativo.

“Nunca encontrei barreiras de preconceito no mercado de trabalho e tampouco na minha família. Todos me respeitam como profissional. Meu marido já se aposentou, cuida da nossa casa e faz companhia aos nossos netos e eu já estou com tempo de serviço e idade para aposentar, mas escolhi continuar no mercado de trabalho, exercendo com muito orgulho minha profissão,” desabafou Aldira.

 

Leia mais:

 Do esporte à música: o importante é cuidar da saúde física e emocional, dizem servidoras estaduais

Mulheres lideram importantes setores da saúde e da defesa sanitária em órgãos de Rondônia

Qualidade, profissionalismo e sensibilidade nas decisões são fortes características de gestões femininas no governo de Rondônia

Mulher trans e com faixa de miss trabalha em prol da igualdade e contra a transfobia em Rondônia


Fonte
Texto: Luana Lopes
Fotos: DER
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Governo, Obras, Rondônia


Compartilhe


Twitter
Facebook
Youtube