Governo de Rondônia
Sexta, 16 de abril de 2021

Nova Dimensão

Programas fortalecem setor agrícola de Nova Dimensão

29 de maio de 2014 | Governo do Estado de Rondônia

Entrega de Títulos_Nova Dimensão_28.05.14_Fotos_Daiane Mendonça (13)

Na manhã desta quarta-feira, 28, o governador Confúcio Moura esteve na área rural de Nova Mamoré, na região de Nova Dimensão, onde reuniu agricultores que receberam os títulos definitivos de suas terras, cadastro ambiental rural (CAR), além de linhas de financiamentos e programas governamentais que irão mudar a vida da localidade.

Na oportunidade, o presidente da câmara de vereadores de Nova Mamoré, vereador Lindomar Cândido, ressaltou a dificuldade pela qual a região passou durante o longo período de enchente e ressaltou o empenho do governador e sua equipe para que a estrada parque fosse aberta. “Esta estrada, governador, foi a nossa salvação, muito obrigado”.

A coordenadora de regularização fundiária da Seagri, Edinéia Gusmão, ressaltou que o os programas de  regularização fundiária rural estão prosseguindo conforme a previsão, levando a titulação aos agricultores para que possam pleitear outras fases de desenvolvimento para a terra.

Ela disse que a questão agrária emperrava o desenvolvimento do estado e o governo tomou o programa como meta, “titulando e cadastrando a terra,  possibilitando o crescimento das áreas rurais”.

Somente em Nova Dimensão estão sendo medidas e georreferenciadas cerca de 2 mil propriedades. “Hoje estamos entregando 71. É o início de tantos outros que estão vindo, pois esta terra será regularizada conforme a lei, com a ocupação mansa e pacífica da propriedade, sem conflitos”.

Edinéia explica que com os benefícios da regularização vem a agroindústria, o desenvolvimento e o crédito, que somente na região de Nova Mamoré, já chegou a R$ 30 milhões. “Temos um governo que se preocupa com o desenvolvimento global do campo, com a regularização das estradas, o programa de sementes, a usina de calcário e a documentação das terras”.

O secretário executivo da Emater, Luiz Gomes, ressaltou o empenho do governo em dar condições ao homem do campo. Fornecer a estrutura necessária para que ele se fixe ao campo e possa sobreviver de sua propriedade. Por isso, além da regularização, enalteceu a aquisição dos Kits de inseminação artificial que foram entregues e que “irão possibilitar o melhoramento genético do gado da região”.

O governo do estado, disse Gomes, valoriza o homem do campo, pois paga os juros do financiamento do pequeno agricultor que busca na instituição financeira até R$ 50 mil para investir na propriedade. “Nunca vi governo algum fazer algo semelhante para o homem do campo”.

Finalizou ressaltando a abertura da estrada parque que vai possibilitar o desenvolvimento mais acelerado da região, bem como a construção da usina de calcário “que será a redenção de Rondônia. Nossa produção pode dobrar em pouco tempo, com o lado visionário deste homem”.

Entrega de Títulos_Nova Dimensão_28.05.14_Fotos_Daiane Mendonça (8)O coordenador do programa Terra Legal em Rondônia, Francisco Sales, falou aos presentes que 2.000 propriedades estão sendo georreferenciadas, medidas e identificadas as pessoas. 1.485 famílias para serem regularizadas e cerca de 2.500 posseiros. São em torno de 4.000 famílias “que terão acesso ao crédito, melhorando seu meio de vida”.

Este títulos que foram entregues, informou Sales, pertencem a uma gleba e fazem parte de um total de 4.000 títulos que estão sendo preparados para entregue em breve. “O processo é longo, mas está saindo e vamos regularizar todo o estado de Rondônia”.

O prefeito de Nova Mamoré, Laerte Queiroz, falou da chuva. “Já tínhamos a vontade e com a chuva veio a necessidade da abertura da estrada parque” e ressaltou o empenho do governador para que ela fosse aberta. Agradeceu também a Assembleia Legislativa que aprovou a lei que criava a estrada e possibilitou a abertura dentro do Parque de Guajará-Mirim.

Agora o agropecuarista já pode levar o boi para outros municípios, enfatizou. “Podemos fazer competição de preço pelo nosso produto pois temos alternativas”.

“Há mais de 15 anos ninguém recebia títulos aqui. Parabéns governador e em breve, temos a certeza que vamos avançar muito mais”, disse o prefeito que agradeceu o apoio do estado no Mão Amiga, com as máquinas do DER. “Nunca tinha visto em minha vida um governador colocar máquinas do DER para arrumar estradas vicinais”.

Ele agradeceu também ao empenho do governador pela reforma e ampliação do hospital de Nova Mamoré. “O deputado Euclides ajudou com as emendas e o senhor aprovou e nos repassou os recursos e ainda complementou mais”. O hospital já recebeu parcela de R$ 1,1 milhão e está para receber outra de R$ 1,9 milhão o que irá totalizar mais de R$ 3 milhões pois há contrapartida do município.

Entrega de Títulos_Nova Dimensão_28.05.14_Fotos_Daiane Mendonça (12)Regularização fundiária

O governador Confúcio lembrou aos presentes que mesmo não sendo obrigação do estado fazer a regularização fundiária, seu governo está investindo nisso para regularizar as terras, pois quando assumiu “eu era um governador sem terras”. E o título, disse, leva em torno de um ano para fazer todas as etapas e tem um custo entre R$ 500 e R$ 1.500, “e isso o estado está oferecendo de graça para o agricultor”.

A regularização, disse, valoriza a terra, permite ao agricultor dizer “eu sou o dono”. E o melhor do tudo, o agricultor pode chegar no banco e com o título em mãos o gerente “vai te estender um tapete vermelho para te receber”. Os financiamentos à agricultura incrementar a produção e melhoram a condição do homem do campo.

Sobre a estrada parque Confúcio enalteceu o trabalho de todos e disse que vai cumprir o que diz a legislação. “A estrada tem horários para funcionar. Fiquem atentos”. Só em pontes foram investidos R$ 827 mil para permitir o escoamento da produção da região e deixar aberto um segundo caminho. Feliz por já ter inaugurado o laticínio na região, o governador disse querer ampliar a criação de agroindústrias na região. “Quero pelo menos mais 30 aqui”.

É preciso que o agricultor diversifique a sua produção. “Eu mesmo só criava gado. Agora me convenci e estou criando peixe”. O governo atual, o nosso governo, aumentou em 500% a produção. “Somos o maior produtor de pescado em cativeiro do país”. O peixe é uma renda a mais e é fácil de cuidar, disse o governador afirmando que já tem fila de frigoríficos querendo comprar a produção. “A nossa meta é de 400 mil toneladas/ano de peixe”.

O governador convidou a todos para a inauguração da usina de calcário em Espigão do Oeste no próximo sábado, por sua importância no desenvolvimento de Rondônia. “Hoje produzimos pouco. Com a nova usina vamos produzir até 400 mil toneladas/ano de calcário”. Além disso, o preço será muito mais baixo para o agricultor que pagará um frente menor do que paga hoje trazendo calcário do Mato Grosso.

O governador também ressaltou os inúmeros programas criados em seu governo que beneficiam o homem do campo, como o cartão Mais Sementes, lançado durante a Rondônia Rural Show,  que possibilita ao agricultor comprar as sementes onde quiser, sem esperar as sementes do governo, “milho, arroz, feijão, o que quiser”. O produtor tem de ir na Emater e fazer o seu. “Isso é criação nossa”.

Outra novidade apresentada foi o cartão GTA (Guia de Transporte Animal). Agora, disse Confúcio, o criador não precisa parar um dia de serviço para fazer a guia. Com o cartão, em qualquer terminal ligado à internet o “pecuarista emite e já paga a sua guia, sem burocracia. Rápido e sem perder dia de trabalho. Isso só tem em Rondônia, criação nossa”.

Também está disponibilizado pelo governo o Programa Especial de Reconstrução (PER), direcionado a pessoas físicas e “ao pessoal da roça” e empresários que de alguma forma foram atingidos pela enchente. “Tem até 10 anos para pagar o financiamento”, disse Confúcio. Esse dinheiro é para a compra de fertilizantes, investir em bois, vacas, “enfim, para o que precisar”.

Tem de ser rápido, pois os recursos para o PER só valem por 60 dias, o prazo que dura o estado de Calamidade no estado. Quem teve prejuízo terá acesso a até R$ 500 mil para investimento e custeio. Com isso, dependendo do empreendimento, poderá adquirir até R$ 1 milhão em financiamentos para reformas, aquisição de produtos, enfim, o que for necessário para reerguer, com prazos e juros baixos.

Outra criação do governo Confúcio foi a moeda digital. Através de um cartão pré-aprovado pelo Banco do Povo, a cidade cria uma moeda para a região. “Em Ariquemes criamos o Jamary,  e cada cidade cria a sua”. Este cartão só é aceito na região. Isso possibilita que o dinheiro circule no comércio local. “Faz crescer a economia local”.

Também anunciou recursos do Fitha na ordem de R$ 506 mil para Nova Mamoré para iniciar os reparos das estradas vicinais. “Em junho todas as estradas de Nova Mamoré serão recuperadas. Todas”.

Confúcio disse que o investimento nos hospitais de Nova Mamoré e de Guajará-Mirim vão regionalizar a saúde. “Queremos acabar com esta história de ambulância correndo pra cima e pra baixo”.  Sobre a telefonia móvel, o governador disse que a justiça, por ser ano eleitoral, impede de realizar a obra. “Temos os recursos. Passada a eleição a gente toca isso. Fiquem tranquilos”.

Entrega de Títulos_Nova Dimensão_28.05.14_Fotos_Daiane Mendonça (1)Títulos

O primeiro agricultor a receber das mãos do governador Confúcio Moura o título definitivo de sua propriedade foi João Ferreira Pardinho que disse que isso “é  o  reconhecimento como produtor rural. Agora vou chegar ao banco e ser valorizado. É uma identidade que eu tenho”, enfatizou. Sua propriedade tem 68 hectares onde vivem 6 pessoas de sua família e agora a fábrica de laticínios Nova Prosperidade que recebeu investimento inicial de cerca de R$ 50 mil.

A produtora rural Ilsa Ferreira de Araújo também recebeu o título definitivo, gratuitamente. Ela mora há 13 anos no local e cria gado, galinha e porco. Vive lá com esposo e três filhos e se disse emocionada e agradecida. “Obrigada, Confúcio. Esperávamos isso há muito tempo”.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Geovani Berno
Fotos: Daiane Mendonça
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Agricultura, Agropecuária, Evento, Governo, Rondônia, Sociedade


Compartilhe