Governo de Rondônia
Quarta, 27 de maio de 2020

PORTAL EDUCAÇÃO

Nova plataforma do Detran atenderá CFCs com oferecimento de cursos teóricos on-line

15 de maio de 2020 | Governo do Estado de Rondônia

Detran começou a trabalhar na criação do portal de educação, que ficou pronto em tempo recorde e já foi disponibilizado aos CFCs

 

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran) Rondônia criou uma plataforma para realização das aulas técnico-teóricas na modalidade de ensino remoto, para que os Centros de Formação de Condutores (CFCs) continuem trabalhando no período de pandemia que exige o afastamento social. Após a deliberação do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), o Detran começou a trabalhar na criação do portal de educação, que ficou pronto em tempo recorde e já foi disponibilizado aos CFCs nesta quinta-feira (14), para que possam atender os usuários em todo o Estado.

Com o surgimento da Covid-19 que forçou o distanciamento social e está obrigando o setor produtivo e os órgãos públicos que prestam serviços à sociedade a se reinventarem e a buscarem novas formas de continuar prestando o serviço, e ao mesmo tempo atendendo as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e dos seguimentos que regulamentam a questão no Brasil, Departamento Estadual de Trânsito não mediu esforços no sentido de buscar alternativas para continuar prestando alguns serviços e ao mesmo tempo garantindo o isolamento social dos usuários.

No conhecimento que o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) havia deliberado acerca da realização das aulas técnico-teóricas na modalidade de ensino remoto aos Centros de Formação de Condutores (CFCs), considerando o dispositivo na Instrução de Serviço n.001/Dthmet, de 13 de maio de 2020, que regulamenta a prestação de serviço de formação de condutores no ensino teórico por aulas on-line, o diretor geral do Detran, coronel Neil Gonzaga, deliberou a equipe da Coordenadoria da Tecnologia da Informação em Rondônia (CTI), juntamente com os profissionais da Diretoria Técnica de Habilitação e Medicina (Dthmet), que começaram a trabalhar no desenvolvimento da plataforma, disponibilizada para os CFCs nesta quinta-feira (14).

Hassan Hijazi destacou a importância da plataforma para atender a demanda no Estado

O diretor do Dthmed, Hassan Mohamad Hijazi, explica que o acesso ao portal educacional do Detran Rondônia é muito pratico e oferece a segurança necessária para garantir a lisura no cumprimento da carga horária das aulas teóricas on-line. O aluno ou o instrutor vai acessar https://portaleducacional.detran.ro.gov.br/, onde será solicitado o CPF e senha, caso seja instrutor, se for aluno será o CPF e a data de nascimento. As aulas ficarão disponíveis para validação 15 (quinze) minutos antes do horário agendado e até cinco minutos após. Ao acessar com o login na plataforma, será exibida as informações da sua próxima aula. Outro ponto importante ressaltado pelo diretor técnico do Dthmed, é o controle presencial na aula por meio de captura facial, que “será obrigatória no início da aula como no final da aula, observando os prazos de 15 minutos antes e cinco após”, destacou.

O Detran Rondônia produziu e disponibilizou o manual versão 0,9, específico para os instrutores que explica o passo a passo das aulas, com ilustrações para facilitar a compreensão. Os alunos também tem o seu manual versão 0,91, alto explicativo com ilustrações, que ainda disponibiliza um vídeo no youtube com informações complementares.

O presidente da Associação das Autoescolas do Estado de Rondônia, Leonardo Ribeiro Viera Mendes elogiou o diretor geral do Detran Rondônia, coronel Neil Gonzaga, a diretora adjunta, Benedita Oliveira e o diretor Tecnico da Dthmed, Hassan Hijazi, bem como todos os profissionais da autarquia que não mediram esforços para desenvolver a plataforma para disponibilizar aos CFCs do Estado. “Nós estávamos clamando por uma alternativa para continuarmos trabalhando e atendendo aos nossos usuários e essa alternativa veio num curto espaço de tempo, acredito que o Detran Rondônia seja o primeiro no país a oferecer a plataforma on-line”, disse o presidente.

Leonardo também destacou a segurança que o portal de educação do Detran Rondônia oferece, acrescentando que serão atendidos até 25 alunos por aula on-line. Na aula presencial, por causa do distanciamento social, seria possível atender apenas quatro alunos por aula, cinco com o instrutor. “O custo desse processo ficava inviável para os Centros de Formação de Condutores”, afirmou.

Leonardo Ribeiro, disse que nos grupos de whatsapp das associações de CFCs do Brasil que ele participa, muitos empresários do ramo pedindo informações sobre a plataforma educacional de Detran Rondônia na tentativa de desenvolver a tecnologia em seus estados também. “O Detran de nosso estado esta de parabéns por ter saído na frente e ter resolvido o problema e ainda garantindo a saúde das pessoas que terão o serviço sem correr o risco de se contaminar com o coronavírus”, afirmou.

Informações complementares em vídeo para o instrutor

Informações complementares em vídeo para o aluno

 

Leia Mais:

 Novo decreto anuncia retorno gradual das atividades comerciais, educacionais e de prestação de serviços em Rondônia

 Detran Rondônia trabalha nas barreiras de vigilância sanitária realizadas no Estado para combate ao coronavírus


Fonte
Texto: Eleni Caetano
Fotos: Eleni Caetano e Daiane Mendonça
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Distritos, Economia, Educação, Empresas, Governo, Habitação, Justiça, Legislação, Municípios, Polícia, Rondônia, Saúde, Segurança, Serviço, Servidores, Sociedade, Tecnologia, Trânsito, Transporte


Compartilhe