Governo de Rondônia
Sábado, 04 de abril de 2020

FOMENTO

Parceria deve aumentar a produção de eucalipto na região do rio Machado e Sul de Rondônia

05 de fevereiro de 2020 | Governo do Estado de Rondônia

O projeto visa a implantação de no mínimo de 10 mil hectares de eucalipto em Rondônia

Mais de mil famílias da região do rio Machado e do Sul do Estado podem ser beneficiadas com mudas de eucalipto, por meio do Projeto Eletrogóes. A Empresa Eletrogóes vai oferecer mudas a preço de custo, com qualidade genética, certificadas e aprovadas para os solos da região, para o produtor que deseja participar do projeto, incentivando o impulsionamento de plantação de florestas de eucalipto em Rondônia.

O projeto visa obter matéria-prima para suprimir a necessidade da usina termoelétrica movida à biomassa, na região de Pimenta Bueno, que tem o eucalipto como a principal matéria-prima, para fazer geração de energia elétrica para todo o Estado. Dentro do projeto, a usina vai proporcionar e firmar com o produtor rural, através de contrato, a compra de 100% de sua produção, como forma de segurança e incentivo ao produtor. O projeto visa a implantação de no mínimo de 10 mil hectares de eucalipto.

Essa ação garantirá ao produtor rural diversidade de renda e aumento da produção nas propriedades. Os produtores terão a oportunidade de receber dentro do projeto capacitação técnica, além de poder conhecer de perto o viveiro (jardim clonal) da Eletrogóes, os estudos e técnicas utilizadas para o plantio adequado, para verificar a qualidade e o desenvolvimento do eucalipto em diferentes tipos de solos.

Existem mais de 700 variedades de eucalipto no país. Segundo os dados da Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri), Rondônia já plantou cerca de 25 variedades, cada espécie é trabalhada para determinado tipo de solo e diferentes finalidades. Rondônia possui cerca de 25 mil hectares de floresta plantada, com destaque para produção de eucalipto, pinho, teca, paricá e mogno africano.

De acordo com o engenheiro agrônomo da Seagri e coordenador do projeto Florestas Plantadas, Ariel Gomes, Rondônia é um Estado de grande potencial para plantação de eucalipto, pois possui um clima satisfatório, pouco estresse hídrico e solos adequados para a plantação.

“Com esse projeto, nós queremos mostrar para os agricultores que podemos produzir também em áreas ociosas, e consideradas poucas e/ou até mesmo improdutivas. As áreas que não são produtivas passarão a produzir. Iremos alavancar isso. Nossa produção é uma realidade e a iremos mais que dobrar a área plantada de eucalipto no Estado”, disse.

O projeto é desenvolvido pela Seagri, Eletogóes e Sebrae em parceria com a Emater, Idaron, Sepog, Sefin, Sedam, Incra, Sebrae, entre outros. Os parceiros vão auxiliar dentro do projeto, no processo de assistência técnica, crédito rural, regularização fundiária, gestão da propriedade, aquisição de máquinas e insumos (Convênios Federais com a Rede Siconv), controle fitossanitário e regularização ambiental.

“O Governo do Estado vem incentivando o pequeno médio e grande empresário rural, através das Parcerias Públicos Privadas (PPP), traçando metas a curto, médio e a longo prazo, políticas públicas com planejamento, responsabilidade e acima de tudo respeito ao homem do campo”, ressaltou Ariel Gomes.

Leia mais:

Governo de Rondônia busca parcerias para novas tecnologias para a agricultura familiar

3ª Feira Estadual da Agroindústria Familiar atrai público com exposição de produtos naturais e artesanais em Porto Velho


Fonte
Texto: Sara Cicera
Fotos: Rinkon Martins
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Agricultura, Governo, Rondônia


Compartilhe