Governo de Rondônia
Sexta, 24 de janeiro de 2020

POLICIAMENTO

Polícia Militar pontua ações implementadas e faz balanço positivo de 2019 no combate à criminalidade

08 de janeiro de 2020 | Governo do Estado de Rondônia

Em Rondônia teve redução em alguns dos crimes que mais impactam a sociedade, como roubos e furtos, com redução de 10% e 9%, respectivamente, em relação ao ano de 2018

O avanço nas ações implementadas em 2019 revela que os indicadores criminais tiveram uma redução significativa em relação ao ano de 2018, bem como medidas adotadas que reforçam a segurança em todo Estado. Os dados foram apresentados na manhã de quarta-feira, 8, pelo comandante da Polícia Militar de Rondônia, coronel PM Mauro Ronaldo Flôres Corrêa, durante coletiva de imprensa, quando foram abordados assuntos referentes às operações desencadeadas, Termos Circunstanciados de Ocorrências, Patrulha Maria da Penha,  operações ambientais, Proerd e policiamento de fronteira.

Durante a coletiva, foi destacada a redução em alguns dos crimes que mais impactam a sociedade, como roubos e furtos, com redução de 10% e 9%, respectivamente, em relação ao ano de 2018. Conforme dados apresentados pela Corporação, em 2018, foram registradas  25.841 ocorrências de roubo, havendo uma redução para 23.285 em 2019.

As ações também refletiram positivamente em veículos recuperados, tendo um aumento de 6,7%, ou seja, em 2018, a Polícia Militar recuperou 2.507 e em 2019 saltou para 2.675, ou seja, veículos que, em sua maioria, seriam levados para a fronteira e serviriam de moedas de troca por drogas na Bolívia. Para o comandante da PM, em 2020 o policiamento na fronteira será intensificado com mais rigor, principalmente, com a instalação do Batalhão de Policia de Fronteira e Divisas (BPFron) que nos últimos meses realizou a Operação Horus, resultando na apreensão  de 22 armas e 109 pessoas conduzidas em flagrantes, foragidas e mandados de prisão.

“No ano passado, foi criado o Batalhão de Policiamento de Fronteira e Divisa e já se tinha algum tempo a necessidade de termos a presença da Policial Militar nas fronteiras apesar de ser uma atividade específica da Polícia Federal e sem dúvidas que a criação do policiamento na fronteira traria resultados mais favoráveis. Estamos de forma permanente patrulhando e policiando as fronteiras do  Estado de Rondônia e esse ano de 2020 teremos muito mais resultados. Tivemos em 2019 várias apreensões de drogas, apreensões de armas,  prisões de pessoas,  abordagens.  Constatamos por estatística que com a maior presença na região de Guajará-Mirim em Nova Mamoré há uma diminuição no roubo de veículos no Estado de Rondônia que são roubados e levados para Bolívia para comercialização por droga.  Então esse policiamento iniciado nos últimos meses do ano passado trouxe resultados positivos com ações itinerantes”, pontuou o comandante.

Comandante da PM, coronel Ronaldo, apresenta balaço das ações de 2019

As medidas adotadas no desenvolvimento da Patrulha Maria da Penha também foram abordadas pelo comandante,  enfatizando os resultados positivos nos últimos anos, a exemplo de 2019 quando foram registrados pela Polícia Militar 2.859 atendimentos de medidas protetivas de urgência ativas. O balanço geral do ano passado foi apresentado pela Corporação, apontando mais assistências às mulheres vítimas de qualquer tipo de violência doméstica.

Conforme balanço apresentado pela Polícia Militar, em 2018 foram registrados 4.084 ocorrências de violência domésticas e, em 2019, o número foi de 3.596 registros, ou seja, uma redução de 12%.

O coronel Ronaldo destacou também as medidas desenvolvidas pelo 5º Batalhão de Polícia Militar, com o programa de policiamento adotado, visando maior integração do policial militar com a comunidade, engrandecendo a participação do cidadão tanto na segurança quanto na resolução de outros problemas desenvolvida no bairro Jardim Santana – zona Leste de Porto Velho – com ações de prevenção e policiamento comunitário apresentando  resultados positivos e, consequentemente, garantindo aumento da sensação de segurança.

Trata-se de uma Polícia Militar cada vez mais próxima da sociedade, como explica o comandante-geral da Polícia Militar, coronel PM Mauro Ronaldo Flôres Corrêa, acreditando em resultados positivos na questão da segurança pública, inclusive, com a contribuição do cidadão como um aliado contra o crime.

O comandante falou da determinação do governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha, em reforçar a segurança em todo Estado e ao mesmo tempo destacou uma série de fatores que estão em desenvolvimento com projeção de garantir a redução nos índices de criminalidade e que contribui para que a Polícia Militar de Rondônia seja uma das melhores do país.

Ao falar do Termo Circunstanciado de Ocorrências (TCO) e tecnologia embarcada (body cam e tablets), o comandante pontuou o aumento de 100% de termos lavrados pela PMRO em 2019, com 4.052 registrados, colocando a corporação na 6ª do país que mais registra TCO.

“Conseguimos nesses últimos anos implantar 100% do Estado à realização do Termo Circunstanciado de Ocorrência com o advento da tecnologia embarcada, com tablets no sistema mobile, facilitando, ainda mais, para que os nossos policiais realizassem a confecção do TCO aplicando em benéfico para o Estado,  para a polícia e população”, comentou o coronel.

Com o início da lavradura do TCO pela Polícia Militar em todo Estado, aumentou o tempo de policiamento ostensivo nas ruas, resultando no aumento de atendimentos registrados. Em 2018, por exemplo, a PMRO registou 71.355 atendimentos à população. Em 2019, foram registrados 75.915 atendimentos, resultando um aumento de 6,4%.

Leia mais:

Furtos e roubos a residências diminuem 34%, mas PM recomenda todo cuidado na viagem de férias


Fonte
Texto: Paulo Ricardo Leal
Fotos: Daiane Mendonça, Ésio Mendes e soldado Edixon
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Segurança


Compartilhe