Governo de Rondônia
Segunda, 02 de agosto de 2021

Projovem Trabalhador inicia curso e entrega 150 kits em Nova Brasilândia

02 de abril de 2014 | Governo do Estado de Rondônia

5 - D'Adelia PiresO programa Projovem Trabalhador Juventude Cidadã é um projeto do Ministério do Trabalho em parceria com o Governo do Estado de Rondônia, com o objetivo de qualificar profissionalmente jovens de 18 a 29 anos de idade, que tenham concluído ou estejam concluindo o ensino médio e que não estejam trabalhando com carteira assinada.

Nesta segunda-feira (31), em Nova Brasilândia D’Oeste, a gerente Regional de Assistência Social (Seas), D’ Adélia Pires, fez a entrega no Centro de Referência de Assistência Social (Cras), de 150 Kits para os alunos que foram cadastrados e que imediatamente começaram o curso.

Serão 350 horas de aula em seis meses. Os kits são compostos por uma mochila, um estojo com duas canetas e borracha, um caderno para matérias e duas camisas de farda e um livro.

Entre os cursos a serem ministrados haverá Turismo, Construção e Reparos; Alimentação; Saúde e hospitalidade. Para este curso, os alunos ainda receberão uma bolsa de R$ 600,00 para ajuda de custo, mas só receberão aqueles que alunos que tiverem o aproveitamento de 100% .

5 - gerente mostra camisetaD’Adélia Pires disse que esta é uma oportunidade única que o governo está oferecendo para a juventude de Rondônia. Além da capacitação profissional, 30% desses jovens que mais se destacarem no curso já saem direto para o mercado de trabalho com emprego garantido. “O governo tem sido incansável na busca por melhorias para a juventude do nosso estado e este programa vem contemplar uma boa parte da juventude que está disposta a estudar e trabalhar, o que é muito importante”.

Wesley Bruno, de 18 anos, fez a opção pelo Curso de Construção e Reparos. Ele mora no centro de Nova Brasilândia e nunca trabalhou. Está terminando o ensino médio e muito feliz ele disse: “esta é a oportunidade que eu esperava pois além da minha qualificação profissional, eu ainda tenho a chance de sair do curso empregado. Não vou desperdiçar esta chance de forma alguma”.

  5 - Beatriz LemesA jovem Beatriz Lemes Bednaski, também de 18 anos, está muito disposta e otimista. Ela mora com a mãe que é viúva e com a irmã mais nova e fez a opção pelo Curso de Alimentação. “Culinária é uma área que eu me identifico e vou fazer tudo para estar entre os 45 que tem emprego garantido, pois preciso muito trabalhar. Fiquei mais feliz ainda porque no final vou receber os R$ 600,00 que nos motiva mais ainda a estudar e fazer o curso, obrigado Governo de Rondônia.”


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Aristides Araújo - Assessoria Regional Rolim de Moura
Fotos: Aristides Araújo
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Capacitação, Cultura, Economia, Educação, Governo, Inclusão Social


Compartilhe