Governo de Rondônia
Quarta, 08 de julho de 2020

FÓRUM DE GOVERNADORES

Relatórios das Câmaras elaborados no 1º dia do Fórum de Governadores da Amazônia Legal serão deliberados nesta sexta-feira em Macapá

28 de março de 2019 | Governo do Estado de Rondônia

O evento encerrará com a assinatura de constituição do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável da Amazônia Legal

Os debates e, posteriormente, a elaboração de relatórios acerca das Câmaras Setoriais movimentam nesta quinta-feira, 28, o 1º dia do Fórum de Governadores da Amazônia Legal com discussões que envolvem quatro eixos temáticos: Comunicação Pública; Consórcio Interestadual; Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável e, Segurança Pública. Os relatórios serão analisados e deliberados nesta sexta-feira, 29, segundo e último dia de evento, entre os governadores dos estados participantes.

O 17º Fórum de Governadores da Amazônia Legal está acontecendo no Espaço Nuance Eventos, zona sul de Macapá/AP, com a participação de Rondônia, Amapá, Acre, Amazonas, Maranhão, Mato Grosso, Tocantins, Roraima e Pará. O objetivo é apresentar e discutir benefícios para os estados, alinhamento de projetos em curso e ações potenciais para o Desenvolvimento Sustentável, Financiamento de Iniciativas Econômicas de Baixas Emissões, o Desenvolvimento Regional Sustentável, Integração e o fortalecimento regional nas áreas de segurança e desenvolvimento sustentável.

O governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha, se reúne com os demais governadores nesta sexta-feira, 29, para que, juntos possam deliberar quanto aos assuntos de interesse unânime da região. De Rondônia, estão participando das discussões das Câmaras Técnicas o secretário Estadual de Desenvolvimento Ambiental, Elias Rezende de Oliveira; secretário adjunto da Sefin, Franco Maegaki Ono; secretário da Sesdec, coronel PM José Hélio Cysneiros Pachá; superintendente Estadual de Comunicação, Lenilson de Souza Guedes; secretário da Sepog, Jailson Viana; e secretária da Casa Civil, Erika Camargo Gerhard.

Conforme explanado pelo superintendente Lenilson Guedes, a proposta é consolidar uma visão regional da comunicação social e de governos

Conforme explanado pelo superintendente Lenilson Guedes, a proposta é consolidar uma visão regional da comunicação social e de governos, bem como para a integração de ações conjuntas e visão geral de planejamento, troca de experiências de gestão, intercâmbio em soluções técnicas, produtos e serviços aplicáveis aos desafios comunicacionais da região. “É fundamental destacarmos a importância do Fórum, que reúne secretários e todos os chefes de estados da Amazônia Legal. O governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha definiu e determinou que pudéssemos apresentar a comunicação que estamos hoje realizando no Estado, ou seja, reestruturando a forma da comunicação chegar ao mais distante morador do Estado de Rondônia. O governo orientou para que pudéssemos explanar sobre as mídias sociais, principalmente como está sendo desenvolvida, bem como para que apresentássemos a publicidade do estado de Rondônia, principalmente levando informações para que outros Estados do país conheçam nossas  potencialidades”.

O secretário da Sesdec, coronel PM Pachá, manifestou pontos considerados cruciais contendo as principais demandas comuns a todos os estados. “Para começar, destacamos que a pauta deste fórum que trata da Segurança Pública foi sugerida por Rondônia. Então iremos trabalhar principalmente a segurança na faixa de fronteira e uso de tecnologias e operações integradas e conjuntas em áreas federais que acontecem muito embora sejam atribuições da Polícia Federal, mas que também demandam para a Segurança Pública do Estado a execução dessas operações, inclusive, áreas indígenas e reservas federais. A ideia é compartilhamos experiências, bem como encontrarmos soluções para superar as dificuldades por conta dos vazios demográficos das regiões, não esquecendo da parte logística onde contamos com apoio das Forças Armadas que faz parte da integração. Todas essas discussões focadas no mesmo rumo iremos conseguir um trabalho a contento”, frisou o secretário da Sesdec.

O Secretário de Desenvolvimento Ambiental do Estado, Elias Rezende, debate várias propostas de Rondônia, comuns à região, como a preservação do meio ambiente visando às futuras gerações. Também apresentará proposta de implementação e manejo do Parque Estadual de Guajará-Mirim – PEGM, – com uma área de 207.148 ha, município fronteira com a Bolívia –  através de pagamento de serviços ambientais, especificamente via geração  e comercialização de créditos de carbono através de um projeto de REDD – Redução de Emissões por Desmatamento e Degradação Florestal. A preocupação maior é com a invasão da área e queimadas.

Nesta sexta-feira o governador Marcos Rocha e demais governadores estarão reunidos para que possam deliberar sobre as agendas discutidas nas Câmaras Setoriais visando a formulação da Carta de Macapá, com demandas comuns aos estados participantes. O Fórum de Governadores da Amazônia Legal é importante para que se possam garantir os avanços nas políticas de desenvolvimento. Todas as pautas tratadas durante o Fórum são consideradas fundamentais no atual momento pelo qual passa o país.

O evento encerrará com a assinatura de constituição do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável da Amazônia Legal, autarquia na modalidade de associação pública, com autonomia para captar recursos, promover investimentos e executar projetos de interesse comuns aos  estados membros.

A agenda desta sexta-feira começa às  8h30 (de Brasília) com coletiva de imprensa com os governadores e, logo em seguida, haverá debates quanto à deliberação das agendas das Câmaras Setoriais, Assembleia Geral do Consórcio.

 


Fonte
Texto: Paulo Ricardo Leal
Fotos: Ésio Mendes
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Brasil Central, Evento, Fórum de Governadores Brasil Central, Rondônia


Compartilhe