Governo de Rondônia
Quinta, 16 de setembro de 2021

TRANSPORTE

Ribeirinhos contam com transporte gratuito até a Vila de Calama

23 de abril de 2014 | Governo do Estado de Rondônia

IMG_2549O Barco da Assistência Social, mantido pelo Governo do Estado de Rondônia, partiu para mais uma viagem na manhã desta terça-feira (22), dessa vez com destino à Vila de Calama, distrito localizado há 200km de Porto Velho, às margens dos rios Madeira e Machado.

Desde 2011, os ribeirinhos que moram ao longo das vias fluviais dos rios Madeira, Preto, Machado, Guaporé e Mamoré contam com o transporte gratuito, coordenado Secretaria de Estado de Assistência Social (Seas),  para deslocamento e para transportar  toda produção excedente das famílias ribeirinhas, como açaí, farinha, melancia, pimenta entre outros.

“Mantemos o calendário mensal das viagens dos barcos da Assistência Social, que há três anos vem atendendo toda a população ribeirinha de Porto Velho e do Vale do Guaporé”, frisa o secretário da Seas, Márcio Felix.

De acordo com o chefe do Núcleo de Proteção às Populações Tradicionais da Seas, Rony Lemos, o serviço de transporte gratuito já é uma referência para a população ribeirinha, principalmente nesse momento de crise, onde a enchente prejudicou muitas famílias que estão fora de suas casas e sem condições de manter suas atividades geradoras de renda.

Moradora da Vila de Calama no baixo madeira.

Moradora da Vila de Calama no baixo madeira.

Maria Safira Ferreira, tem 68 anos e mora na Vila de Calama. Ela conta que há um mês está em Porto Velho, alojada na casa do filho, devido à cheia do rio Madeira que cobriu mais da metade da sua casa. ” Estou voltando agora que o nível do rio está baixando  para ver as condições em que está minha casa. Ainda bem que posso contar com o barco da Assistência pra ir e vir e sabemos que cumpre o calendário de viagens todos os meses. Além de não pagarmos as passagens, ainda contamos com três refeições diárias enquanto estamos embarcados, isso nos proporciona uma economia muito grande, principalmente agora que perdemos nossa plantação que é nossa fonte de renda”, declarou Maria.

As localidades atendidas ao longo do rio Madeira são: Maravilha, Floresta, Remanso Grande, Belmonte, Silveira, São Miguel, Porto Chuelo, Mutuns, Cujubim Grande, Cujubinzinho, Ilha dos Mutuns, Bom Jardim, Ilha dos Veados, Itaoacá, Eporanga, Aliança, Ponta de Belém, Bom Será, Capitrai, São Carlos, Cavalcantre, Guarani, Ilha dos Periquitos, Curicacas, Boa Hora, Boa Vitória, Nazaré, Santa Catarina, São José da Praia, Conceição da Galera, Ilha de Assunção, Ressaca e Calama. No ramal do rio Preto estão Santa Isabel, Aliança, Três Bocas, Jacarezinho e Gleba 9 e na região do Rio Machado o barco passa pelas localidades de Boca do Machado, Caboré, Demarcação, Independência, Santo Antonio, Bom Futuro, Lago Verde, Juruá, Patoá, Santa Helena, Monte Sinai e Dois de Novembro.

A próxima viagem será no dia 12 de maio com destino ao ramal do Rio Preto. O Barco Deus é Amor, da Seas, sai sempre às 11h do Porto Flutuante do Cai N’água. O cadastro de viagem, bem como o bilhete são entregues no ato da embarcação no momento da viagem.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Luana Lopes - Assessoria Seas
Fotos: Luana Lopes
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Assistência Social, Governo, Inclusão Social, Rondônia, Serviço


Compartilhe