Governo de Rondônia
Sábado, 15 de maio de 2021

BRITADOR MÓVEL

Novo britador móvel vai processar até duas mil toneladas de calcário por dia, afirma CMR

16 de março de 2015 | Governo do Estado de Rondônia

Vice-governador, Daniel Pereira, participou da apresentação do britador

Vice-governador, Daniel Pereira, participou da apresentação do britador, um investimento de R$ 22 milhões para melhorar a produção de calcário no estado

O vice-governador de Rondônia, Daniel Pereira, acompanhado do secretário de Estado da Agricultura, Pecuária, Desenvolvimento e Regularização Fundiária, Evandro Padovani; e do direto- presidente da Companhia de Mineração de Rondônia, Gilmar de Freitas Pereira, participou na sexta-feira (13) de uma reunião com autoridades estaduais, municipais, produtores rurais e empresários do setor, em Vilhena, para apresentar o novo britador móvel da segunda usina de calcário do estado. O investimento no equipamento, que irá aumentar a produção de calcário no estado, foi da ordem de R$ 2 milhões.

O conjunto móvel de britagem Bercam CBM 920/900, é montado em um chassi de carreta, tendo capacidade de processamento de até duas mil toneladas de calcário por dia. “Esse conjunto irá fazer a primeira e a segunda britagem, diminuindo o tempo de processamento da rocha em pó. Com o britador móvel, ao invés de trazer a rocha bruta à indústria, ocupando muito espaço, já iremos trazer a brita calcaria”, explicou Gilmar Freitas.

O calcário para fins agrícola é utilizado para corrigir a acidez do solo. Ao mesmo tempo em que faz essa correção, o calcário também fornece cálcio e magnésio indispensáveis para a nutrição das plantas. A aplicação do calcário aumenta a disponibilidade de elementos nutrientes para as plantas e permite a maximização dos efeitos dos fertilizantes e, consequentemente, o aumento substancial da capacidade produtiva da terra.

Para o secretário Padovani, não há localização melhor no estado do que Vilhena para apresentar o britador móvel, pois a região é responsável por 80% dos grãos produzidos em Rondônia. “A determinação do governador Confúcio Moura é que a CMR produza 800 mil toneladas de calcário/ano. Avançamos  muito na produção  do  peixe, carne, frango, grãos e leite. Com a usina em pleno funcionamento, iremos dobrar essa produção. Por isso estamos buscando nas grandes capitais e no exterior, indústrias para gerar emprego e renda a todos os rondonienses”, destacou.

“O ex-governador Jorge Teixeira há 33 anos inaugurou a usina. E hoje, estamos aqui contemplando este monte de ferro. Os povos antigos  adotavam seus deuses, cada um adorava do seu jeito. Alguns olham para isso e só  veem ferro. Mas um produtor  rural olha para esta máquina e vê dobrar a sua produção  de  leite. Olho para o Wesley [Vilaça Melo, presidente do Sindicato dos Pecuaristas de Porto Velho (Sinpec)] e vejo-o colocando mais duas ou três cabeças de animais  por hectares.  Essa máquina  irá fazer a redenção do estado  na produção de calcário”, enfatizou o vice-governador.

Ainda estiveram presentes no evento, os deputados estaduais Cleiton Roque (PSB) e Rosângela Donadon (PMDB); os prefeitos José Rover (Vilhena) e Izael Dias Moreira (Cabixi), além do secretário regional, Ronaldo Davi Alevato; o presidente do Sinpec, Wesley Vilaça; e o presidente da Associação Comercial e Empresarial de Vilhena (Aciv), Josemário Secco.

 

 


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Dhiony Costa e Silva
Fotos: Dhiony Costa e Silva
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Agricultura, Agropecuária, Cultura, Distritos, Ecologia, Governo, Inclusão Social, Meio Ambiente, Piscicultura, Rondônia


Compartilhe