Governo de Rondônia
Segunda, 24 de setembro de 2018

Diagnóstico da Cadeia Produtiva do Leite Estado de Rondônia

Governo do Estado de Rondônia

Estudo lançado pela Seagri aponta avanços no agronegócio do leite e derivados em Rondônia

Diagnóstico do leiteA Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri) lançou, no dia 5 de novembro de 2015, o Diagnóstico do Agronegócio do Leite e Derivados do Estado de Rondônia. São 5.000 exemplares, contendo 336 páginas, onde se detalha a atividade leiteira nesta última década.

O estudo descreve características das propriedades produtoras de leite, da indústria láctea, dos produtos comercializados por Rondônia. Além disso, analisa e comenta uma pesquisa de aproximadamente 400 questionários respondidos por produtores rurais, industriais e comerciantes, traçando um perfil muito preciso desses 11 anos do setor lácteo do estado.

O objetivo geral do Diagnóstico foi produzir um instrumento para definição de ações governamentais, avaliação das ações públicas já implementadas e material informativo para interessados no agronegócio do leite em Rondônia, explica Marco Antônio Ribeiro, zootecnista da Seagri.

O agronegócio leite envolve mais de 38 mil propriedades rurais, emprega 100 mil pessoas nas propriedades rurais e 5 mil na indústria. Está presente em milhares de estabelecimentos comerciais e movimenta em torno de R$ 665,2 milhões por ano, apenas dentro dos municípios. A agregação de valor com o beneficiamento, multiplica este valor por três. Apresenta uma produção diária de 2,6 milhões de litros de leite, colocando o estado em 8º lugar na produção de leite nacional e em primeiro da região Norte, portanto, é atividade de relevância social e econômica para Rondônia.

“Este diagnóstico faz uma análise histórica do gado leiteiro e a perspectiva de futuro que queremos. Temos uma indústria muito rica, porém subutilizada; nossa produção vem na grande maioria do agronegócio familiar, que usa métodos tradicionais e ineficientes. Mas estamos mudando isso, introduzindo novas tecnologias, com pastagem irrigada, terra adubada e rotacionamento do pasto, assim o pequeno produtor vai triplicar sua produção”, constata o governador Confúcio Moura.

O Diagnóstico do Agronegócio do Leite e Derivados do Estado de Rondônia será entregue a todos os secretários de estado; técnicos agrícolas; bibliotecas; entidades de classe; associações rurais; políticos da esfera estadual e federal; governadores; prefeitos, vereadores, escolas e demais interessados.

“Ao ler este documento, grandes empresários nacionais e do exterior terão segurança para trazer suas indústrias e distribuidoras para Rondônia, porque verão que somos o lugar perfeito do ponto de vista de fartura de energia, produção, logística, transporte e acesso tanto aos mercados sul americano e asiático, quanto para os europeu, africano e norte americano”, garante Evandro Padovani, secretário da Seagri.

A obra impressa é fruto da parceria entre a Seagri, por meio do Fundo de Investimento e Apoio ao Programa de Desenvolvimento da Pecuária Leiteira do Estado de Rondônia (Proleite), e Serviço Brasileiro de Apoio à Pequena e Média Empresa (Sebrae).

Baixar Edição 2015: Livro Diagnóstico Leite Estado de Rondônia publicado

Baixar edição de 2002: DIAGNÓSTICO RO 2002


Compartilhe