Governo de Rondônia
Quinta, 25 de fevereiro de 2021

CONSEA

Secretaria da Assistência e do Desenvolvimento Social garante parceria com a agricultura ao dar posse a 48 membros do Conselho Estadual de Segurança Alimentar

09 de junho de 2016 | Governo do Estado de Rondônia

Mary (E) propôs a Hérica (C) parcerias para o êxito da segurança alimentar

Mary (E) propôs a Hérica (C) parcerias para o êxito da segurança alimentar

Pelo menos 48 membros titulares e suplentes do Conselho Estadual de Segurança Alimentar (Consea) tomaram posse nessa quarta-feira (8) em ato presidido pela secretária estadual da Assistência e do Desenvolvimento Social, Hérica Fontenelle, no auditório da Emater-RO, em Porto Velho.

“Eu me comprometo a fazer esse conselho funcionar de fato e de direito. Juntos, poderemos construir políticas que a Seas prevê para poder efetivá-lo, tirando-o do papel e inserindo-o no coletivo”, comprometeu-se a secretária.

Cabe ao Consea, integrante do Sistema Nacional de Segurança Alimentar (Sisan), coordenar  e deliberar a respeito de prioridades para o setor, com o apoio da sociedade civil. Numa próxima reunião, o conselho elegerá sua diretoria.

Hérica Fontenelle acolheu o “pedido de socorro” feito minutos antes de sua fala pelo presidente da Associação Centro de Cultura Negra e Religiosidade Afro-Amazônica, Silvestre Antônio Gomes Santos, que reclamou da falta de estrutura adequada e de força deliberativa do Consea.

A secretária-adjunta da Agricultura, Mary Braganhol, enalteceu o trabalho da nutricionista da Seas, Cleusa Firmino, e lembrou que desde 2003 Rondônia se insere no fortalecimento de programas, entre os quais o de aquisição de alimentos que atende a creches escolares. “Cumprir políticas públicas é prioridade, vamos trabalhar em parcerias com a Seas e obter bons dividendos”, reafirmou.

Novos conselheiros tomaram posse nessa quarta-feira

Novos conselheiros tomaram posse nessa quarta-feira

Cleusa Firmino apelou aos novos conselheiros para que abracem a causa com amor e carinho. “Considerem não apenas a fome, mas a garantia de direitos a alimentos sadios e de qualidade, conforme preceitos constitucionais e da Lei Orgânica do setor”, assinalou.

O governo de Rondônia construiu o Restaurante Popular Prato Feito, na zona Leste da capital, que atualmente serve 1,5 mil refeições diárias, adquirindo ingredientes produzidos no estado. Agroindústrias fomentadas pelo governo têm papel importante no êxito do setor, na avaliação das secretárias Hérica e Mary.

No País, a segurança alimentar ganhou maior importância em 2002, com a criação do Ministério Extraordinário de Segurança Alimentar, depois Ministério do Desenvolvimento Social (MDS). Cuidando especificamente do combate à insegurança alimentar e nutricional, por exemplo, o Programa Fome Zero foi a primeira intervenção federal nessa área.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Montezuma Cruz
Fotos: Ademilson Kinghtz
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Agricultura, Agropecuária, Assistência Social, Capacitação, Distritos, Economia, Educação, Empresas, Governo, Inclusão Social, Indústria, Infraestrutura, Legislação, Meio Ambiente, Rondônia, Saúde, Serviço, Servidores, Sociedade, Solidariedade, Tecnologia


Compartilhe