Governo de Rondônia
Domingo, 09 de maio de 2021

SAÚDE DO TRABALHADOR

Servidores do Cemetron participam de treinamento sobre prevenção de doenças

18 de abril de 2017 | Governo do Estado de Rondônia

Ginástica laboral é uma das forma de melhorar a saúde e evitar lesões por esforços repetitivos

Ginástica laboral é uma das forma de melhorar a saúde e evitar lesões por esforços repetitivos

Quem cuida da saúde da população também precisa cuidar da própria saúde, e isso tem sido preocupação do estado, não apenas oferecendo ambiente adequado e seguro de trabalho, mas também profissionais conscientes dos cuidados para evitar riscos. E foi com essa a proposta que o Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) promoveu treinamento sobre prevenção de doenças e saúde do trabalho direcionado aos servidores do Centro de Medicina Tropical de Rondônia (Cemetron), referência em doenças infecciosas e parasitárias no estado.

O treinamento no Cemetron faz parte das atividades de conscientização em alusão ao Dia Mundial em Memória às Vítimas de Doenças e Acidentes do Trabalho, 28 de abril.

Nesta segunda-feira (17), no auditório do Cemetron, foi realizado o treinamento com palestras sobre prevenção de Lesões por Esforços Repetitivos e Distúrbios Osteo musculares Relacionados ao Trabalho (LER/Dort) e os riscos biológicos, além de dinâmicas em grupo.

‘‘Para nós do Sesmt [Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho], que nos preocupamos com a saúde do trabalhador, este treinamento é muito importante, pois vem para melhorar a qualidade de vida dos colaboradores. Isso faz com que eles se conscientizem mais e se cuidem mais, afinal somos uma unidade de tratamento, somos cuidadores, então é importante que também tenhamos saúde para que possamos estar cuidando cada vez melhor dos outros’’, disse o engenheiro de segurança do Sesmt do Cemetron, Álvaro Amaral.

O treinamento envolveu profissionais de diversos setores, como limpeza, lavandaria, administração e enfermagem, e foi aberto à participação de acadêmicos, uma preocupação do Cemetron em manter os futuros profissionais cientes das normas de segurança na saúde. ‘‘A nossa expetativa agora é que eles difundam o que aprenderam neste treinamento para os demais colegas de trabalho e para a família. A nossa preocupação com a saúde do trabalhador vai além dos muros da unidade’’, ressaltou Amaral.

CONSCIENTIZAÇÃO

Servidores foram envolvidos em várias dinâmicas motivacionais

Servidores foram envolvidos em várias dinâmicas motivacionais

Levantamento realizado pelo Cerest em 2015 revelou que 61% dos profissionais de saúde do Cemetron que participaram da pesquisa já haviam sofrido acidente de trabalho. ‘‘O profissional de saúde está exposto a todo tipo de risco. O mínimo que podemos fazer é nos proteger, cumprir a norma’’, afirmou a administradora hospitalar do Cerest, Máglice Veloso.

Simone destacou a importância de ter um ambiente de trabalho adequado ao trabalhador, inclusive observando se a iluminação e temperatura estão corretas. Observar também a exposição a barulhos e poeira, se a postura do trabalhador no exercício de sua atividade está adequada, além de estar atento a fatores psicossociais que podem levar ao adoecimento do trabalhador, como trabalho sob pressão permanente, estresse e conflitos com os colegas de trabalho.

Em se tratando de profissionais de saúde, Máglice também reforça que é preciso estar atento aos riscos devido à exposição a agentes químicos.

‘‘Ainda falta muita conscientização dos próprios trabalhadores que desconhecem os riscos a que estão submetidos, e muitas vezes eles não têm ciência que o adoecimento é devido ao próprio trabalho’’, avalia a fisioterapeuta do trabalho.

Ainda segundo Simone Oliveira, o Cerest vem se mobilizando em Rondônia na promoção da saúde do trabalhador através de várias capacitações na capital e interior em parceria com as regionais de saúde destacando principalmente a prevenção e a importância da notificação dos acidentes e doenças de trabalho. ‘‘A gente vem difundindo a cultura da saúde do trabalhador em diversos municípios, inclusive com distribuição de material informativo e com campanhas educativas’’, citou.

O Cerest intensificou nos últimos meses a campanha contra a brucelose humana, dermatites ocupacionais e prevenção aos danos dos agrotóxicos à saúde rural.  ‘‘No dia 28 vamos participar de uma mobilização junto com Ministério Público do Trabalho (MPT) e no início de maio estaremos no Palácio Rio Madeira, onde iremos dedicar um momento especial à saúde da mulher trabalhadora’’, adiantou.

Leia mais.

Cerest avalia doenças do trabalho em PMs, bombeiros e professores de Porto Velho

Cemetron controla mais de 80% de suas atividades ambientais e é referência em redução de gastos com resíduos de serviços de saúde

 


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Vanessa Moura
Fotos: Daiane Mendonça
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Capacitação, Governo, Rondônia, Saúde, Servidores


Compartilhe