Governo de Rondônia
Domingo, 11 de abril de 2021

SAÚDE PÚBLICA

Tablets agilizam atendimento do Samd, o hospital itinerante de Porto Velho

03 de junho de 2016 | Governo do Estado de Rondônia

SAMD recebe tablets_02.06.16_Foto_Daiane Mendonça (5)

Enfermeira Maria José: tablets entram em rede na próxima 2ª feira

A técnica abre o tablet, lê a prescrição médica e medidas a serem tomadas. Num clique, sua chefe saberá o que a equipe realizou, a cada atendimento.

A partir da próxima segunda-feira (6), 15 tablets entregues pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) esta semana ao Serviço de Atendimento Médico Domiciliar (Samd) registrarão procedimentos diários em 248 pacientes [número atual], dentro de suas casas, em bairros periféricos de Porto Velho.

O programa será instalado nas cinco salas do Samd e acessado por aproximadamente 50 pessoas.

“No final do mês, a direção do Samd terá no computador o relatório completo exigido pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesau): a histórica clínica do paciente, medicamentos receitados e respectivos custos”, informou a enfermeira Maria José Micheletti.

A clientela do Samd [sediado no Bairro Cidade Nova, zona sul de Porto Velho] concentra-se mais nas zonas leste (64 pessoas) e oeste (57).  As equipes têm os nomes de Açaí, Buritis, Jatobá e Samaúma. A média diária de visitas de cada equipe é de 68.

Ela acredita que esse avanço irá melhorar a segurança do paciente, agilizar e facilitar o trabalho das quatro equipes constituídas por assistentes sociais, fisioterapeutas, médicos, enfermeiras, técnicos de enfermagem, nutricionistas e psicólogos.

“Tudo o que for alimentado no sistema aparecerá na rede”, garante a assistente social Sâmia Rocha.

Assim, por exemplo, se uma médica prescrever o remédio para febre de manhã, à tarde, sua colega saberá como está o paciente e como prosseguir o tratamento.

“O Samd hoje é como se fosse um hospital itinerante. O número de leitos em domicílio compara-se ao de qualquer hospital de Porto Velho”, acrescenta.

LEIA MAIS
Samd redobra atendimento ao socorrer baleados, dependentes químicos e acidentados de motos com sequelas neurológicas

Para desafogar hospitais, equipes do Samd percorrem quinhentos quilômetros por dia


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Montezuma Cruz
Fotos: Daiane Mendonça
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Assistência Social, Capacitação, Convênios, Governo, Inclusão Social, Legislação, Previdência, Rondônia, Saúde, Serviço, Servidores, Sociedade, Solidariedade, Tecnologia, Trânsito, Transporte


Compartilhe