Governo de Rondônia
Sábado, 15 de maio de 2021

Rondônia Rural Show

Terceira edição da feira Rondônia Rural Show será aberta no dia 21

16 de maio de 2014 | Governo do Estado de Rondônia

RO Rural Show 2Cerca de 40 mil pessoas são esperadas para a terceira edição da Rondônia Rural Show, em Ji-Paraná, na região central do estado, de 21 a 24 de maio.

A feira vem crescendo na movimentação de negócios – foram R$ 186 milhões em 2012 e R$ 294 milhões em 2013. Para este ano, a expectativa é chegar aos R$ 350 milhões.

Uma das maiores feiras de tecnologia e inovação no campo em toda a região norte, a exposição vem ganhando espaço no calendário nacional do setor. “É um evento voltado para a geração de novos negócios e de novas tecnologias no campo”, explica o governador de Rondônia, Confúcio Moura.

Fronteira

Rondônia é a última grande fronteira agropecuária aberta no país. O estado tem o tamanho de São Paulo e possui um rebanho bovino com 12 milhões de cabeças – o que representa oito vezes o tamanho da população atual, de pouco mais de 1,5 milhão de habitantes, segundo o último censo do IBGE.

O interior do estado foi praticamente construído do zero nos últimos 40 anos.

Nesse período, surgiram os principais municípios do interior, sempre ao longo da BR-364, principal eixo rodoviário, que liga Vilhena, ao sul, na divisa com o Mato Grosso, à capital, Porto Velho, ao norte do estado, quase na divisa com o Acre.

Frigoríficos

Nos últimos anos, Rondônia viu surgir grandes e modernos frigoríficos e indústrias de laticínios. O estado é grande produtor e exportador de carne bovina e atende mais de 30 países nos cinco continentes, incluindo os Estados Unidos. No ano passado, exportou o equivalente a US$ 535 milhões em carne bovina resfriada – um crescimento de 50% em relação a 2012.

Rondônia também se destaca na exportação de soja e minério de estanho (cassiterita) e na produção de leite e derivados. Culturas tradicionais no estado, como o café, milho, feijão, arroz e mandioca também permanecem entre os principais produtos agrícolas.

 

Grãos

RO Rural show

A área destinada ao plantio de grãos vem crescendo a taxas próximas de 20% ao ano, principalmente na chamada região do Cone Sul do estado, em municípios como Vilhena, Corumbiara, Cerejeiras e Chupinguaia.

Essa região vem puxando para cima a produção de soja em Rondônia, que registrou um salto de 70% no último ano, passando de 331 mil toneladas em 2012, para cerca de 566 mil toneladas em 2013.

No sul do estado estão as grandes empresas de armazenamento e exportação de grãos. Um desses grupos está investindo atualmente na construção de um novo e moderno porto graneleiro, em Porto Velho, em parceria com o Governo do Estado.

 

Pescado

A piscicultura também deu um salto nos últimos três anos. Até 2011, o estado produzia cerca de 12 mil toneladas de peixes por ano. Em 2013, atingiu a marca de 65 mil toneladas, e continua crescendo, a partir da nova política adotada pelo estado, que estimula a criação em cativeiro. Com a utilização dos lagos formados pelas usinas do Madeira, deverá futuramente ultrapassar a produção de 100 mil toneladas.

Espécies nobres e bastante apreciadas, como o pirarucu e principalmente o tambaqui, não estão mais restritas apenas ao mercado de Manaus, principal comprador de peixes de Rondônia, e já encontram espaço cada vez maior nas gôndolas de grandes redes de supermercados do centro-sul do país.

Atrações

Para a abertura oficial do evento, na próxima quarta-feira, no parque de exposições de Ji-Paraná, região central do estado, além do governador, estão confirmados: o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Neri Geller; a presidente da Confederação Nacional da Agricultura e Pecuária (CNA), senadora Katia Abreu; e no dia 23, o ministro do Desenvolvimento Agrário (MDA), Miguel Rossetto.

Nesta terceira edição, o público terá muitas atrações, algumas inéditas em feiras desse nível dentro do estado de Rondônia. Com entrada franca e estacionamento gratuito, as atrações estarão distribuídas nos pavilhões da agroindústria, das instituições e do artesanato.

Máquinas

Além da exposição de máquinas e equipamentos, exposição de animais, visitação de estandes, realização de palestras técnicas e de seminários, haverá diversas linhas de crédito a juros baixos para o produtor.

Cerca de 300 estandes serão instalados para empresas de todo o estado apresentarem seus produtos, sem custo. Dezenas de agroindústrias familiares também irão marcar presença, apresentando o que de melhor está sendo produzido pelos pequenos agricultores rondonienses.

Entre os atrativos está a “vitrine tecnológica”, proposta para reunir, numa área de 1,5 hectare, as principais culturas agrícolas disponíveis ao produtor, com as mais recentes pesquisas desenvolvidas nesse campo, guiadas através do “caminho da roça”.

Organização

A Rondônia Rural Show é organizada pela Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária, Desenvolvimento e Regularização Fundiária de Rondônia (SEAGRI), em parceria com a Emater, Sedam, Idaron, Embrapa, Ceplac, Prefeitura de Ji-Paraná, Associação Rural de Rondônia (ARR) e a iniciativa privada.

Também são apoiadores diversas instituições – Sebrae, Simpi, Simpec, Facer, Fecomércio, Faperon, Sistema Fiero, Prefeituras e associações comerciais, Cresol, Fetagro, Sistema OCB e instituições financeiras – Basa, CEF, BB, Sicoob e Banco do Povo. Conta ainda com o apoio do governo federal, através do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, e do Ministério do Desenvolvimento Agrário.

Informações no site www.rondoniaruralshow.ro.gov.br


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Sandro André
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Agricultura, Agropecuária, Evento, Governo, Rondônia


Compartilhe