Governo de Rondônia
Sábado, 12 de junho de 2021

MOSTRA RONDON

Trajetória do marechal Rondon será exposta durante evento de comemoração aos 150 anos do patrono de Rondônia

02 de maio de 2015 | Governo do Estado de Rondônia

Marechal Rondon

Marechal Rondon

Moradores de Porto Velho terão a oportunidade de conhecer um pouco mais sobre a vida do  Marechal Cândido da Silva Rondon através de fotografias e de frases por ele citadas, que estarão na exposição que será aberta no próximo dia 5 no Porto Velho Shopping. O evento é promovido pelo governo de Rondônia em parceria com os Correios, Porto Velho Shopping e 17ª Brigada de Infantaria de Selva.

O material fotográfico será exposto em tapumes em pontos estratégicos  do shopping. “Vamos apresentar o DNA de quem vive em Rondônia”, declarou o curador da exposição, professor e historiador Aleks Palitot. As fotos e frases foram coletadas  do livro escrito por Esther de Viveiros, Rondon conta sua vida, obra que ele mesmo pormenorizou para a escritora. “Foi preciso um trabalho de arqueologia para selecionar cada peça da exposição”, explica o professor. Para ele é preciso que se compreenda que Rondon não foi apenas o responsável pela linha telegráfica que ligou Rondônia a todo o Brasil, mas que o trabalho dele foi fundamental para a nação.

Descendente de índios da tribo Bororo, de Mato Grosso, o Marechal Rondon conseguiu se aproximar e interagir com os povos indígenas sem confrontos, desenvolvendo a primeira política indígena brasileira. Mas sua ação não se restringiu a Amazônia, atuou  de Norte a Sul do país, como em Santa Catarina e em Roraima, lembra Palitot. “Tudo que fez foi com patriotismo e muito amor”.

O legado deixado por Rondon fez dele um ícone da comunicação, mesmo quando não se tinha ideia do que seria isso. Uma prova de que ele andava a frente do seu tempo.  “No seu tempo, Rondon levou a modernidade para a floresta com equipamentos que então eram de última  geração e que sequer era encontrada no Brasil. Na época, operadores dos equipamentos foram fazer curso nos Estados Unidos”, ressalta Palitot.

Em maio, comemora-se o 150º aniversário de nascimento de Rondon, mas no  dia 1º de janeiro deste ano foi o primeiro centenário da ligação das linhas telegráficas de Santo Antônio  com Cuiabá, no Mato Grosso.  Em celebração ao feito, a localidade de Santo Antônio vai ter um memorial em homenagem a Rondon, previsto par ser inaugurado no final deste ano.

“Morrer se preciso, matar nunca”. A frase celebre de Rondon é uma das muitas que estarão expostas no shopping. Onde muitos adjetivos dados ao desbravador também estão anotados. Para o professor Aleks Palitot é um momento importante para a população conhecer uma das personalidades mais importantes que esteve em Rondônia e que fez muitas  coisas por ela. Personagens como Ruy Barbosa, o presidente americano Theodore Roosevelt, os irmãos Villas Boas estão entre os que Rondon trouxe a Rondônia.

HOMENAGEM

Na terça-feira (5), dia em que se comemora 150 anos de marechal Rondon, o governo de Rondônia em parceira com os Correios, Porto Velho Shopping e 17ª Brigada de Infantaria e Selva realiza a abertura de uma exposição sobre Rondon e o lançamento do selo comemorativo. O evento, que será às 16h, no Porto Velho Shopping, é gratuito e aberto à população.

VEJA MAIS:

Governo e parceiros lançam programação em homenagem a Rondon

Pesquisador afirma que Rondon foi “o homem certo, no local certo”

Governador destaca importância de marechal Rondon

Estação telegráfica cede lugar ao Museu das Comunicações, em Ji-Paraná

Marechal Rondon terá um memorial em Porto Velho


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Alice Thomaz
Fotos: Daiane Mendonça
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Cultura, Governo


Compartilhe