Governo de Rondônia
Quarta, 24 de fevereiro de 2021

AGRICULTURA FAMILIAR

Trator entregue a associação de produtores de Cujubim vai auxiliar na melhoria de lotes e fortalecimento da pecuária leiteira

24 de fevereiro de 2016 | Governo do Estado de Rondônia

entrega de um trator para a associação dos produtores rurais da comunidade são sebastião fotos de ésio mendes 24.02.2016  (24)

Trator foi adquirido com recurso próprio da Seagri e entregue para associação de produtores rurais

 

A entrega de um trator traçado movimentou a comunidade São Sebastião, localizada na rodovia RO 205, no município de Cujubim, nesta quarta-feira (24). A máquina, adquirida com recursos da Secretaria de Agricultura (Seagri), custou R$ 65 mil e será utilizada na melhoria dos lotes, onde se planta cacau, café e guaraná, além do fortalecimento da pecuária leiteira. A perspectiva é de que com melhores cuidados dispensados à terra, a produção aumente.

O momento era festivo, mas o governador Confúcio Moura advertiu que a agricultura atual é feita com cuidados tecnológicos que potencializam a produção em menor espaço, além de respeitar o ecossistema. Para que isto aconteça, recomendou às famílias busquem peçam suporte junto à Emater.

O trator foi entregue formalmente à Associação dos Produtores Rurais de São Sebastião, Joaquim Saraiva. “É um sonho antigo e vai nos ajudar muito”, disse ele. A entidade já tem um equipamento similar, mas o uso contínuo o tornou quase deficitário em razão dos gastos necessários para a manutenção.

A utilização do trator nas propriedades dos sócios da associação será compartilhado. Cada um poderá contratar os serviços e pagar por hora de trabalho. Quem não é sócio também terá acesso, mas pagará um pouco mais. O dinheiro arrecadado será gasto na manutenção e aquisição de combustível.

Cerca de 100 famílias moram e tem pequenas propriedades na comunidade. Destas, 40 estão filiadas à associação.

nelson

Nelson de Souza é um dos associados que será beneficiado com o novo trator

Entre os sócios está o baiano Nelson Pereira de Souza. As mãos calejadas revelam um passado de jornadas no campo. Já passou por São Paulo e Amazonas, também trabalhando na agricultura, mas foi em Rondônia que consolidou seu projeto.

Nelson está em Cujubim há 20 anos. Nos 12 alqueires de terras que tem planta café e cuida de algumas cabeças de gado. É do tempo em que o município ainda era distrito de Ariquemes e, depois, de Rio Crespo. A emancipação político-administrativa veio depois. “Aqui é bom para trabalhar”, revela.

Outro personagem emblemático da comunidade é  Vicente Saraiva, cearense de 74 anos, cuja família, “grande”, conforme ele próprio, está em quase todo lugar. O filho, Joaquim é o presidente da associação dos produtores. Tem um irmão que foi vereador e o comércio localizado na beira também é de sua prole.

Vicente foi o primeiro morador do núcleo habitacional de São Sebastião. O vizinho mais próximo estava a mais de um quilômetro de distância. Numa prosa longa, mas ponteada pelo cuidado de indicar testemunhas que confirmam tudo o que diz, conta que, aos 12 anos iniciou a peregrinação em busca de terras para praticar a agricultura.  Inicialmente, com o pai, passou por São Paulo. Depois, passou 29 anos em Mato Grosso do Sul.

Em Cujubim, Vicente é uma liderança. Depois de muitos anos de labuta no campo, deu um tempo. Diz que a agricultura, agora, é exercida em meio alqueire, no quintal de casa, onde cultiva feijão de corda, abacaxi, banana e laranja. Atualmente sócio da entidade, foi com ele, ainda como vice-presidente da associação que começou o projeto para ganhar apoio do governo estadual com um trator. “Precisamos muito. E vai ser bom para todos. A terra vai produzir mais e beneficiar nosso povo”, prevê.

A Secretaria de Agricultura adquiriu o trator e o cedeu à associação, que assumiu formalmente encargos para poder ficar com o equipamento.

O governador Confúcio Moura pediu às famílias que não se deixem abater pelas notícias que relatam uma grande crise econômica no país. Para ele, com a determinação que as famílias têm em trabalhar no campo não haverá obstáculo capaz de deter o desenvolvimento na região.

entrega de um trator para a associação dos produtores rurais da comunidade são sebastião fotos de ésio mendes 24.02.2016  (20)

O governador Confúcio Moura incentivou a maior produção em menor espaço

Além de enumerar casos de produtores que ganham mais utilizando menos terra e investindo em tecnologia, Confúcio destacou que é necessário levar em conta que o planeta não suporta mais tanta destruição dos recursos naturais.

O governador garantiu que vai investir cada vez mais no município de Cujubim, que é um dos mais carentes da região. Ele citou ações previstas para a melhoria das estradas, na educação e, principalmente, em relação à segurança pública. “Parte dos novos policiais que estão em fase de formação virão para cá”, anunciou sob aplausos.

Como tem feito nos pronunciamentos, o governador pediu atenção especial no combate ao mosquito ‘Aedes Aegypti’ e convidou a todos para a 5ª Rondônia Rural Show, que acontecerá ainda no primeiro semestre, no município de Ji-Paraná. “Preparem os projetos e aproveitem a oportunidade”, recomendou.

A secretária adjunta da Seagri, Mari Braganhol, anunciou que outros projetos serão executados para beneficiar o município. Segundo ela, há emendas parlamentares que serão liberadas para levar mais equipamentos para a região.

Cujubim está localizado na região conhecida como Vale do Jamari, que é composta por nove municípios, dos quais Ariquemes é o mais desenvolvido. A população é pouco superior a 15 mil habitantes e tem economia ancorada na agropecuária e extração de madeira.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Nonato Cruz
Fotos: Ésio Mendes
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Agricultura, Agropecuária, Convênios, Economia, Evento, Governo, Infraestrutura, Rondônia, Serviço


Compartilhe