Governo de Rondônia
Sábado, 15 de maio de 2021

Calcário

Usina de calcário será inaugurada no sábado (31)

28 de maio de 2014 | Governo do Estado de Rondônia

Nova usina de calcário será inaugurada no sábado, 31 de maio

Nova usina de calcário será inaugurada no sábado, 31 de maio

A espera durou mais de vinte anos, mas está próxima de um merecido final feliz. Milhares de agricultores, pecuaristas, famílias de produtores leiteiros, donos de pequenas agroindústrias, grandes produtores e industriais, todos serão beneficiados com a nova usina de calcário de Rondônia, que será inaugurada pelo governo do estado no próximo sábado, dia 31.

A obra foi construída com recursos próprios do governo do estado, no valor de R$ 10 milhões, e terá capacidade inicial de produção de 400 mil toneladas por ano. “É calcário de excelente qualidade, e em grande quantidade, capaz de corrigir a acidez do solo e fazer crescer a produtividade das nossas lavouras e pastagens, com baixo custo para o agricultor e o pecuarista”, avalia o governador Confúcio Moura, que estará presente na solenidade, marcada para iniciar às 11 horas da manhã.

Usina de Calcário_25.05.14_Fotos_Daiane Mendonça (2)A usina está localizada no quilômetro 52 da estrada do calcário, ao lado das instalações da antiga usina, que tem mais de 20 anos de funcionamento. “A usina antiga produz 30 mil toneladas por ano, teremos um grande salto de qualidade e de volume de produção de calcário, a partir da entrada em funcionamento das novas instalações, neste sábado”, explica o presidente da Companhia de Mineração de Rondônia (CMR), Moisés Góes.

O acesso às instalações pode ser feito a partir do município de Espigão do Oeste, mas a usina está situada dentro dos limites geográficos de Pimenta Bueno. “Esta obra, tão aguardada por todos, beneficiará diretamente toda a cadeia produtiva do agronegócio no estado, e em especial nossos agricultores familiares, que dependem da produção de leite”, afirma o secretário da Seagri, Evandro Padovani.

 

Usina de Calcário_25.05.14_Fotos_Daiane Mendonça (7)Correção do solo

A adição de calcário, realizada da forma correta, com análise do solo e acompanhamento técnico, corrige a acidez e melhora a produção das lavouras e também das pastagens. Isso faz com que a produtividade no campo tenha expressivo aumento, com baixo custo.

Além da nova usina, o governo do estado construirá uma nova via de acesso fazendo a ligação com à principal região produtora de grãos do estado, o Cone Sul. As obras terão início neste segundo semestre e deverão encurtar a distância com as principais regiões produtoras em mais de 200 quilômetros.

Outra boa notícia é que já estão assegurados os recursos do governo do estado, da ordem de R$ 11 milhões, para a construção de uma segunda usina de calcário, ao lado da usina Félix Fleury, que será inaugurada neste sábado. Com as duas usinas, a produção saltará para 800 mil toneladas por ano. Essas obras também serão iniciadas no segundo semestre.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Sandro André
Fotos: Daiane Mendonça
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Agricultura, Agropecuária, Evento, Governo, Obras, Rondônia


Compartilhe